Diego Forlán acredita que eventual saída de João Félix de Madrid poderá ajudar a uma subida de rendimento

O uruguaio Diego Forlán, considerado melhor jogador do Mundial-2010 (seis golos) e antigo companheiro de Ronaldo no Manchester United, deixou de jogar em 2018 e, aos 43 anos, continua magro e sequíssimo. Estava na sala de imprensa do Estádio Lusail onde se realizou o Portugal-Uruguai e foi-se deixando entrevistar por quase todos os jornalistas que dele se aproximavam.

Sobre o rendimento de João Félix no Atlético Madrid treinado por Diego Simeone, Diego Forlán tem opinião muito própria e sabe bem do que fala, pois representou os colchoneros entre 2007 e 2011. «Félix é muito bom jogador, é jovem e tem muita qualidade. Pagaram muito dinheiro por ele [risos] e não tem jogado o que se esperava, mas é ainda muito jovem. Estão a sair notícias em que se fala da possibilidade de ele sair do Atlético e, se sair, até poderá subir o rendimento. Acredito nisso. Acontece muitas vezes, aconteceu, por exemplo, com Philippe Coutinho, que pouco jogava no Inter e quando foi para o Liverpool melhorou imenso», admitiu o uruguaio.

Darwin Núñez

Que peso poderá ter, futuramente, o ex-Benfica Darwin Núñez na seleção do Uruguai? Forlán não tem dúvidas: «Se tens Cavani, Suárez e Darwin, tens de ser feliz, isso não há qualquer dúvida. Darwin é muito bom e vai ser ainda melhor. Está a adaptar-se a um clube novo [Liverpool], a um país novo [Inglaterra] e a uma Liga nova [Premier League], pelo que vai necessitar sempre de algum tempo. Tem condições para singrar e já demonstrara no Benfica que é muito bom jogador. Precisa de tempo e de ter paciência.»

Leave a Reply