Julian Weigl e Draxler falham objetivo de estarem no Mundial do Catar

Hans Flick, treinador da seleção da Alemanha, acaba de anunciar a lista de convocados para o Campeonato do Mundo que arranca no próximo dia 20 de novembro, no Catar.

A grande novidade é o regresso de Mario Gotze, que não era chamado à seleção desde novembro de 2017 e que esteve com um pé no Benfica no último verão, há precisamente cinco anos. O agora médio do Eintracht Frankfurt, recorde-se, foi o autor do golo da vitória sobre Argentina que valeu a conquista do Mundial de 2014.

Desse Mundial, além de Gotze, apenas Thomas Muller, Manuel Neuer e Matthias Ginter ‘sobrevivem’ na Mannschaft.

Destaque maior, no ponto de vista encarnado, para a ausência de Julian Weigl. O médio do Benfica regressou esta época à Bundesliga (foi emprestado ao Monchengladbach) com a expetativa de ser convocado para este Campeonato do Mundo. Objetivo falhado. A mesma decisão foi tomada relativo a Julian Draxler. Emprestado pelo PSG no sentido de ganhar minutos, e quiçá ter também ele uma chance de ir ao Mundial, o médio de ataque foi igualmente descartado desta lista final de Hans Flick.

Leave a Reply