António Silva eleito “Homem do jogo” depois de bisar na Amoreira na goleada ao Estoril

O defesa-central António Silva (Benfica), que na pretérita semana completou 19 anos, e na noite deste domingo bisou na goleada imposta pelos encarnados no reduto do Estoril (5-1), em encontro da 12.ª jornada da Liga expressou, no final do encontro, a ambição das águias em prolongar o ciclo de 23 jogos invictos pelo menos até à interrupção de provas por causa do Mundial do Catar-2022, que se inicia dia 18, e confessou não esperar poder marcar dois golos (aos 30+ e 40’)

«Se os golos foram um presente de aniversário tardio? Sim, é um momento para recordar, não esperava, confesso: só a vitória da equipa, como sempre. Sucedeu um resultado avultado, mas que traduz o que foi o jogo. Agora temos mais dois jogos até à paragem e queremos vencê-los também», sublinhou o jovem defesa-central dos encarnados, que não cala a ambição do Benfica na temporada.

«Agora, há mais dois jogos para vencer até parar tudo. Joguei eu, mas o Benfica está recheado de grandes defesas centrais. Quaisquer que sejam os que jogam vão estar preparados. Só procuro servir o Benfica da melhor forma. Hoje estive eu, amanhã poderá estar outro companheiro. A explicação dos 23 jogos sem perder? Muito trabalho. Confiamos no processo do ‘mister’ e, claro, trabalhar em cima de vitórias é sempre melhor», disse António Silva.

Leave a Reply