Telma Monteiro regressou às medalhas no Grand Slam de Baku

Telma Monteiro (-57 kg) conquistou, esta tarde, a medalha de prata do Grand Slam de Baku ao perder frente à canadiana Christa Deguchi, atualmente 15.ª do ranking mundial e campeã do Mundo em Tóquio-2019, ao ser derrotada por castigos após 2.10 minutos de prolongamento.  

Foi a terceira vez que Telma, de 36 anos, perdeu face a Deguchi, de 27, depois das duas já se terem defrontado em outras duas ocasiões. A mais recente em abril, nos quartos de final do Grand Slam de Antalya, mas em que ambas acabaram por terminar no 5.º lugar.

Telma Monteiro, 11.ª do ranking, que procura a sexta qualificação olímpica, garantiu assim mais uma medalha no Circuito Mundial e a segunda nesta temporada depois de ter sido bronze no Grand Slam de Portugal, em janeiro. Pelo meio havia ficado a uma vitória do pódio nos Grand Slams de Antalya e Budapeste.

Recorde-se que a judoca do Benfica, 11.ª do ranking, realizou na capital do Azerbaijão a sua segunda prova após ter efetuado uma artroscopia ao joelho esquerdo em agosto, apurou-se para a final ao derrotar na meias-finais a belga Mina Libeer (13.ª), medalha de bronze no Europeu de Sófia, em abril, com um ippon 2.08m.

Para chegar à semifinal a medalha de bronze nos Jogos do Rio-2016 e hexacampeã da Europa, que estava isenta da ronda inaugural e surgia como uma das cabeças de série, começou por eliminar a bósnia Andjela Samardzic (58.º) após prolongamento (5.14m) com um ippon.

Nos quartos de final superou a búlgara Ivelina Ilieva (33.ª) num combate que entrou de rompante, marcou logo wazari aos 4 segundos e repetiu a pontuação em 1.32m.

Leave a Reply