Roger Schmidt: “Estou muito contente com a exibição e com a atitude dos jogadores”

Roger Schmidt não escondeu a satisfação pela resposta dada pelos jogadores do Benfica na goleada de mão cheia (5-0) ao Chaves, resultado que deixa as águias com oito pontos de avanço sobre o FC Porto.

«Estou muito contente. Jogámos com a mesma energia de terça-feira (Juventus) e mostrámos desde início que queríamos ganhar o jogo. Ajudou ter marcado cedo, mas também poderíamos ter marcado mais golos. Voltámos a ter um jogo sem sofrer e o adversário teve poucas oportunidades. Estou muito contente com a exibição e com a atitude dos jogadores», disse o alemão à BTV, entregando os ‘louros’ aos jogadores por não terem ‘adormecido’ após o triunfo (4-3) europeu sobre a Juventus.

«Esse trabalho é feito pelos jogadores, mas claro que tento sempre aconselhá-los. Como disse na conferência de imprensa, queremos estar ao mais alto nível até ao Mundial. Hoje, os jogadores estavam frescos e mostraram, uma vez mais, que gostam de jogar entre eles. Tivemos momentos muito bons com bola.»

Roger Schmidt teve palavras elogiosas para a temporada de Álex Grimaldo, depois de o espanhol, com um belíssimo livre directo, ter marcado um dos cinco golos na vitória (5-0) sobre o Chaves, na Luz, recordando que o lateral-esquerdo espanhol se encontra no último ano de contrato e, a partir de 1 de Janeiro, poderá comprometer-se com outra equipa para 2023/2024.

«Está a jogar a um grande nível, tanto como hoje como contra o FC Porto e a Juventus. Marcou um grande golo e é um jogador de topo, com boa mentalidade, forte fisicamente e importante para nós. É claro que espero que ele fique, mas estas situações fazem parte do futebol. Se pudesse, pedia-lhe para continuar mais anos no Benfica. Ele vai ter de tomar essa decisão, mas, neste momento, vejo-o muito focado e a jogar com gosto», disse o treinador alemão.

A goleada ao Chaves, na Luz, projecta o Benfica para os 31 pontos em 33 possíveis na Liga, deixando a equipa de Roger Schmidt com oito de avanço sobre o FC Porto. Questionado sobre esta distância, o treinador foi pragmático.

«Nem tinha pensado nisso, estamos focados jogo a jogo. Não tinha essa expectativa sequer, quando cheguei estava totalmente focado em criar um grupo de trabalho com mentalidade própria e ir passo a passo. A qualidade deste campeonato e dos treinadores é muito alta, as equipas são organizadas tacticamente e será um grande desafio conquistar títulos em Portugal», vincou o germânico, na conferência de imprensa após o jogo com os transmontanos.

Leave a Reply