Benfica garante fase de grupos da Champions depois de vencer o Levoranta Sastamala

A equipa de voleibol do Benfica venceu nesta quarta-feira, 26 de outubro, no Pavilhão n.º 2 da Luz, o Levoranta Sastamala (3-1), em jogo da 2.ª mão da ronda 3 da Liga dos Campeões, e garantiu a presença na fase de grupos da prova.

Na frente da eliminatória, por terem vencido na Finlândia, as águias, que não puderam contar com o líbero Ivo Casas por apresentar limitações, estavam a um jogo de marcar presença na fase de grupos da Liga dos Campeões. Bernardo Silva, o outro líbero do plantel, entrou nas opções iniciais do jogo e a equipa pegou nas incidências do 1.º set

Parcial muito disputado e com um equilíbrio latente nos pontos iniciais. Grandes ralis, jogadas bem construídas, com as zonas 1, 4 e 6, junto à rede, a atacarem e as defesas de Benfica e de Levoranta Sastamala a defenderem a preceito. Destaque, ainda, para a aposta em serviços em suspensão e em potência. Com o passar dos pontos, o Benfica colocou a maior qualidade na quadra, usou o bloco e, perante o olhar atento do Presidente Rui Costa, venceu o 1.º set, por 25-16

Benfica-Sastamala

O Benfica estava a um set de carimbar o passaporte rumo à fase de grupos da Champions. O Pavilhão n.º 2 sentia isso e apoiava. Uma vez mais, muito equilíbrio no 2.º set do jogo, com as águias a liderarem o marcador e os finlandeses atrás, sem permitirem grandes distâncias pontuais. O Benfica continuava a apostar no serviço agressivo e nos ataques na pipe; o Levoranta Sastamala aproveitava as debilidades benfiquistas na defesa baixa. 

Através do bloco, o Benfica distanciou-se, mas os nórdicos não atiraram a toalha ao chão e deram a volta ao resultado, aproveitando, sobretudo, alguns erros não forçados das águias no ataque. Na frente, o Levoranta Sastamala não mais de lá saiu e fechou o 2.º set a seu favor (20-25). 

3.º set foi vencido na alma, no querer e na ambição. Houve muito Benfica na quadra para dar a volta a um parcial que parecia perdido. Os finlandeses entraram melhor, distanciaram-se e obrigaram o treinador Marcel Matz a parar o jogo e mexer na equipa. O Benfica cometia erros no serviço e no ataque, e o Levoranta Sastamala ia vincando uma grande distância no marcador. 

Benfica-Sastamala

Na parte final do 3.º set, o Benfica, muito apoiado pelas bancadas, colocou o seu melhor voleibol na quadra, aproximou-se e deixou o adversário nervoso e a cometer erros. Imparáveis e motivados, os encarnados deram a volta e venceram, por 25-23, garantindo, assim, desde logo, a presença na fase de grupos da Liga dos Campeões. 

A jogar num ritmo mais baixo após estar tudo decidido no que diz respeito ao apuramento, Benfica e Levoranta Sastamala mexeram nas equipas. Ainda assim, as águias queriam vencer a partida e assim o fizeram. Desde o início no comando do 4.º set, o mesmo fechou em 25-18 para os da Luz, confirmando o triunfo no desafio, por 3-1

O Benfica já sabe que está inserido no grupo C, onde figuram Civitanova (Itália), Roeselare (Bélgica) e Tours VB (França).

Benfica-Sastamala

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): “O 1.º set foi controlado pela nossa equipa, mas no 2.º set o grupo esteve algo desconcentrado. O grupo teve força e foi buscar o jogo [no 3.º set]. As coisas encaixaram e melhoraram. Mérito total para a qualidade dos jogadores. Temos um plantel forte, com qualidade para jogar neste nível e muitos parabéns pela qualificação para a fase de grupos da Liga dos Campeões. Este Clube e a secção fazem um trabalho muito sério.”

Tiago Violas (distribuidor do Benfica): “A nossa equipa está habituada a jogar bem e há dias em que não entramos tão bem e temos momentos menos bons, mas lutamos até ao fim, com todas as forças. Tentamos sempre fazer melhor, vencer e foi o que aconteceu. Conseguimos a qualificação que era o grande objetivo.”

Benfica-Sastamala
Benfica-Levoranta Sastamala
3-1
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
Hugo Gaspar, Tiago Violas, Rapha, Japa, Peter, Lucas França e Bernardo Silva (L)
Suplentes
André Lopes, Bernardo Westermann, Pablo Natan, Aaro Nikula e Thales Falcão
Formação inicial do Levoranta Sastamala
Jacob Ekman, Antti Mäkinen, Mikko Esko, Urpo Sivula, Karli Allik e Severi Savonsalmi e Eetu Pennanen (L)
Suplentes
 Tino Vuori, Mikko Karjarinta, Ben-Simon Bonin, Jiri Leinonen, Joel Laakso e Raivis Oiguss (L)
1.º set2.º set3.º set4.º set
25-1620-2525-2325-18

Leave a Reply