Benfica recebeu e bateu o Candoso em jogo antecipado da 4ª jornada da Liga de futsal

A deslocação à Roménia para a participação na Ronda Principal A da Liga dos Campeões levou à antecipação da 4.ª jornada da Liga de futsal para o Benfica, que não sentiu dificuldades para bater o Candoso (4-0).

Entre um dos candidatos ao título, ainda invicto nas duas jornadas até então realizadas, e um visitante que ainda não havia pontuado esperava-se uma diferença de valores que começou a confirmar-se ao fim de…35 segundos.

Uma desatenção do guarda-redes Luciano Silva, que lançou a bola com a mão já fora da área, permitiu que Arthur atirasse para golo com um remate potente na cobrança do correspondente livre.

Cinco minutos mais tarde, uma boa jogada coletiva permitiu que Ivan Chishkala apenas necessitasse de tocar suavemente para o fundo das redes um passe/remate de Silvestre Ferreira na direção da baliza.

A partir daí, o Benfica geriu a velocidade da partida e promoveu uma rotação constante e quase total do seu plantel – foram utilizados todos os jogadores de campo convocados, com exceção do jovem Pedro Marques.

Tal não impediu que a águia continuasse a dominar a seu bel-prazer também no segundo tempo, período que Chishkala e Rocha abriram com remates aos postes: o russo atirou ao travessão aos 22′ e o brasileiro ao poste direito aos 24′.

As águias desperdiçaram sucessivas ocasiões para avolumar o resultado, mas chegariam mesmo ao 3-0 a pouco mais de três minutos do final através de um livre bem trabalhado e no qual Chishkala assistiu Bruno Cintra.

Menos de um minuto após ter marcado, Cintra movimentou-se bem pela esquerda e assistiu Gonçalo Sobral, que praticamente sem oposição rematou para o 4-0 final, que confirma a liderança isolada, ainda que provisória.

O Benfica soma, desta forma, 7 pontos com três jogos realizados, podendo ser novamente alcançado pelo Sporting, que esta noite recebe o Futsal Azeméis e pode igualar os encarnados na liderança do campeonato.

Leave a Reply