Nova provocação do Conselho de Disciplina da FPF castiga Henrique Araújo e o Benfica

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol castigou Henrique Araújo por um jogo – e ainda uma multa de 535,50 euros – por declarações do avançado das águias contra a arbitragem, após um jogo da equipa B diante do Rio Ave, na temporada passada, a 17 de abril. Nessa partida, com arbitragem de Cláudio Pereira, Pedro Álvaro, Tomás Araújo e também o treinador, António Oliveira, foram expulsos com vermelho direto.

10 dias depois do jogo, o CD interpôs um processo disciplinar a Henrique Araújo e o avançado estará fora das opções de Roger Schmidt para o encontro em Guimarães, no próximo sábado.

Recorde as palavras do avançado após o jogo em Vila do Conde:

«Foram duas partes completamente diferentes, na primeira sentimos que fomos melhores do que o adversário. Na segunda, a partir de um erro de arbitragem – mais um, mais uma semana assim – o jogo muda. Ficam 10 para 11 jogadores [adversários]. Há que valorizar o sacrifício de toda a gente que está aqui. Há malta aqui que vai chegar muito longe, não tenho dúvida alguma. Não posso apontar nada. É mais uma semana em que somos penalizados por mais um erro de arbitragem.

Há duas semanas tivemos um jogo contra o Mafra, em que temos um golo anulado que poderia ser o 2-2. Na semana passada tivemos um golo anulado com o Estrela da Amadora. Esta semana temos uma expulsão… É uma expulsão de liga portuguesa. Já estamos habituados, é mais do mesmo. Isto é difícil para nós. Vemos isto a acontecer na equipa A do Benfica, na equipa B, nos juniores… Eu acredito que um dia vão voltar a respeitar o Benfica. Neste momento não estão a respeitar. Isto acaba por ser muito difícil para toda a gente que faz parte deste clube. Há que valorizar o trabalho de todos. O sacrifício foi incrível. Hoje não nos deixaram ganhar.»

Leave a Reply