Imagem de João Félix a ser substituído começa a banalizar-se

A Imprensa espanhola está surpreendida por João Félix estar a perder progressivamente a influência no jogo do Atlético Madrid.

Sport recorda que o último bom jogo do avançado português foi na primeira jornada, onde assinou três assistências, mas nos últimos sete desafios não esteve sequer envolvido nos golos dos colchoneros.

A sua atuação no dérbi frente ao Real Madrid é um exemplo da atual realidade. Félix passou despercebido e o técnico Diego Simeone acabou por substituí-lo aos 62 minutos, por Matheus Cunha.

Os seus números estão longe daquilo que é esperado, e a imagem de ser substituído começa a ser habitual: o internacional português não terminou seis dos oito jogos que realizou.

Leave a Reply