Bruno Lourenço encontrou o espaço de evolução que não conseguiu nos seniores do Benfica

As ambições de Bruno Lourenço não se esgotam no duplo golpe com que feriu o Sporting. A qualidade evidenciada promete-lhe voos que extravasam o Boavista. O trabalho que o médio faz nos jogos e nos treinos reforçam essa convicção. Com Petit ganhou estatuto de titular, num percurso ascendente e iniciado à terceira jornada como suplente utilizado.

Aliás, tem sido assim a carreira de Bruno Lourenço. A subir, degrau a degrau, sustentadamente. Formado no Benfica, ali chegou aos 10 anos, proveniente do Sacavenense. Nas águias, e com passagem pelo Seixal, esteve 10 temporadas, etapa que se fechou por nem todos poderem seguir o caminho da equipa B ou da principal dos encarnados, mesmo que os argumentos pudessem validar outra opção.

Leave a Reply