Tomás Barroso prolongou contrato com o Benfica até 2023

Tomás Barroso, capitão da equipa de basquetebol, prolongou contrato com o Sport Lisboa e Benfica até 2023. Ligado ao Clube há 14 anos, o internacional português não escondeu o “orgulho imenso” por continuar de águia ao peito.

Há mais de uma década com história no Benfica, desde 2008/09, tendo em 2010/11 representado o Ginásio Figueirense, Tomás Barroso entra na 14.ª temporada no Clube.

“É um orgulho imenso estar mais um ano ligado a este Clube, é uma honra imensa poder estar de águia ao peito por mais uma época. Que seja uma época de muitas conquistas, muitas vitórias e alegrias para todos nós”, expressou Tomás Barroso em declarações à BTV.

Tomás Barroso

“Espero contribuir para a equipa subir de rendimento e para que esteja mais perto do nível desejado”

Tomás Barroso

Após uma época marcada por uma lesão que o impossibilitou de jogar desde outubro de 2021 a março de 2022, Tomás Barroso apontou as suas metas pessoais para 2022/23.

Espero contribuir para que o Benfica consiga cumprir os seus objetivos. Tive essas infelicidades que me acompanham há algum tempo, a nível de lesões, mas hoje em dia procuro viver o dia a dia como atleta, fazer o que está ao meu alcance para controlar o que posso controlar e tentar que a época se desenrole com a máxima naturalidade possível. Estando fora ou dentro de campo, os meus objetivos são saber o que posso fazer para ajudar a equipa. É nisso que me foco todos os dias. Espero contribuir para a equipa subir de rendimento e para que esteja mais perto do nível desejado“, detalhou o internacional português.

Tomás Barroso

“Precisamos dos adeptos connosco, que estejam presentes, porque só juntos conseguimos alcançar os nossos objetivos”

O capitão das águias olhou para o coletivo e para a chegada dos novos atletas, isto, poucos dias depois da conquista do Torneio Internacional de Lisboa.

“A equipa é bastante competitiva, como já deu para ver. Temos poucos dias de treino conjunto, já houve esta paragem para as seleções e para as competições da FIBA, mas temos um grupo de profissionais muito competente, que chegou e passado dois dias ganhou o Torneio [Internacional] de Lisboa. Vale o que vale, mas é um torneio e foi disputado com grande intensidade e um nível competitivo muito alto. A equipa mostrou que tem ‘capacidade para’ e, tendo essa capacidade, tem de assumir a responsabilidade de que está num clube para ganhar e que não admite outra coisa que não seja lutar pelos objetivos. É assim que temos de encarar cada jogo e cada troféu”, asseverou o base.

Tomás Barroso deixou também uma mensagem aos Benfiquistas

“Já ficou provado que é importante ter o adepto na bancada a apoiar-nos durante os 40 minutos. Este é mais um apelo que vai nesse sentido. Precisamos delesque estejam presentes, precisamos deles connosco, porque só juntos conseguimos alcançar os nossos objetivosQue estejam presentes e que estejam connosco nos bons, mas principalmente, e também, nos maus momentos“, apelou.

Leave a Reply