Petar Musa ganha espaço para a titularidade na ausência de Gonçalo Ramos

Roger Schmidt, treinador alemão do Benfica, encontrou uma base para o onze inicial e tem apostado de forma consistente naqueles que iniciaram a temporada a jogar, não dando grande ênfase à questão da gestão do plantel, mesmo com calendário bastante carregado em função de compromissos de Liga e de Liga dos Campeões. Gilberto e Alexander Bah serão, por ventura, a exceção, dado que já fez descansar o brasileiro e o dinamarquês até foi o titular no último encontro, diante do Maccabi Haifa, para a Liga dos Campeões.

Desta feita, porém, Schmidt está mesmo obrigado a mexer no onze inicial em Famalicão, amanhã à tarde, haverá pelo menos duas caras novas na equipa, em virtude dos castigos a Gonçalo Ramos e João Mário, que foram suspensos por uma partida na sequência da expulsão no jogo com o Vizela.

Petar Musa, ponta de lança croata, terá seguramente a sua primeira oportunidade no onze inicial, depois de cinco encontros a saltar do banco dos suplentes. Já fez uma assistência para golo, no Bessa, frente à sua antiga equipa, o Boavista, mas ainda não iniciou a sua conta de finalizador de águia ao peito. Eis o substituto de Gonçalo Ramos, mas há que pensar no que irá Schmidt fazer quanto a João Mário, que tem alinhado do lado esquerdo do ataque.

Leave a Reply