Benfica “só” paga 1.4 milhões de salário a Draxler e a culpa é de um ex-dirigente portista

Antero Henrique está no ‘olho do furacão’ em Paris por, alegadamente, não ter deixado satisfeita a direção do Paris Saint-Germain pela forma como tratou de várias saídas dos excedentários do galáctico plantel de Christophe Galtier.

Um desses casos foi o de Julian Draxler, oficializado como reforço do Benfica no último dia do mercado. O médio foi cedido pelo PSG até fim da época, com as águias a pagarem 2,5 milhões de euros pela taxa de empréstimo.

L’Équipe dá ainda conta, este sábado, de que a mudança do atacante alemão, campeão do Mundo em 2014, aconteceu depois de o PSG ter aceitado pagar 80 por cento do salário de Draxler. O jornal francês, aquando da renovação de contrato do alemão em maio de 2021, deu conta de que Draxler auferia sete milhões de euros brutos anuais: quer isto dizer que, deste valor incomportável para a realidade portuguesa, a SAD encarnada será responsável pelo pagamento de €1,4M.

Leave a Reply