Diogo Ribeiro termina final dos 100m mariposa do Europeu em Roma na oitava posição

Com uns primeiros 50 metros mais lentos do conseguira ontem, nas meias-finais em que alcançou novo recorde nacional de 52,38 segundos, Diogo Ribeiro foi 8.º na final dos 100 mariposa do 36.º Europeu de Roma em piscina longa, ganha pelo húngaro Kristof Milak (50,33), seguido do suíço Noe Ponti (50,87) e do polaco Jakub Majerski (51,22).

Ainda assim, o júnior do Benfica, que percorreu os 50 metros iniciais em 24,23 segundos, registou a segunda marca portuguesa mais rápida de sempre nesta que foi a sua segunda final na estreia num campeonato absoluto e depois de ter conquistado a medalha de bronze nos 50 mariposa.

Na meia-final passara aos 23,90 segundos, o que contribui para que terminasse no 5.º lugar entre os 16 semifinalistas. Tal como aconteceu na discussão das medalhas dos 50 mariposa, nos 100 Diogo era novamente o único atleta nascido em 2004. Recorde-se que, ainda há um ano, nesta mesma piscina do Foro Itálico, Ribeiro sagrou-se vice-campeão europeu júnior dos 100 mariposa, então com 52,64s.

O seu anterior recorde nacional absoluto (52,31) havia sido conseguido em abril, durante o Open da Dinamarca, em Broenshoej e nas eliminatórias deste Europeu conseguira o 14.ª posto (52,38) entre 53 nadadores.

Em Roma disputará ainda os 50 livres, cujas eliminatórias serão terça-feira e onde surge com o 28.º tempo da entry list.

Leave a Reply