João Félix regressou e fez a diferença onde Oblak também deu nas vistas

João Félix está de volta. O internacional português não jogava desde 17 de abril, quando sofreu uma lesão muscular, mas este sábado saltou do banco para marcar o golo de vitória do Atlético Madrid sobre o Manchester United (1-0), num jogo de preparação realizado em Oslo, na Noruega.

Duas equipas com ritmo bem diferentes. A equipa de Old Trafford acabou de chegar de uma digressão à Tailândia e Austrália em que fez vários jogos, enquanto o conjunto comandado por Diego Simeone fez apenas o segundo jogo de preparação, depois de já ter defrontado o Numancia esta semana.

As diferenças físicas fizeram-se notar, sobretudo na primeira parte, com o United, com Dalot e Bruno Fernandes de início. claramente por cima do jogo, com várias oportunidades para marcar. Rashford teve uma oportunidade soberana, logo aos 3 minutos, mas permitiu a defesa de Oblak.

Com uma pressão muito alta, a equipa inglesa colocou tremendas dificuldades aos colchoneros que foram segurando o nulo com defesas impossíveis do guarda-redes esloveno. Já perto do intervalo, Bruno Fernandes destacou Elanga na área, mas o avançado voltou a atirar à figura do guarda-redes do Atlético.

Os treinadores não fizeram alterações ao intervalo, mas Diego Simeone lançou uma nova equipa aos 60 minutos, deixando apenas Oblak e Reinildo do onze incial. Entrou João Félix, mas também Sergio Díez, Wass, Witsel, Saúl, Koke, de Paul, Morata e Griezmann. O Manchester United também lançou o reforço Eriksen e o jogo seguiu mais equilibrado.

O golo que determinou o resultado final surgiu já perto do final, aos 88 minutos, com João Félix a receber uma bola sobre a esquerda, a puxar para dentro e, à entrada da área, a rematar para o poste mais próximo, sem hipóteses da De Gea.

Já em período de compensação, Fred viu um segundo cartão amarelo e foi expulso.

O internacional português João Félix e diz estar praticamente recuperado, isto depois de ter terminado mais cedo a temporada passada, devido a lesão.

«Sinto-me bem. Ainda à procura da minha melhor forma. Já há algum tempo que não jogava, porque terminei a temporada lesionado. Mas estou a treinar forte, a preparar-me da melhor forma para ajudar a equipa. Estou quase a 100 por cento», afirmou aos meios do clube espanhol.

O jovem luso, note-se, foi lançado aos 59 minutos por Diego Simeone e, aos 86, fez o único golo da partida, num remate rasteiro à entrada da área, após ser servido por Álvaro Morata.

Félix não jogava desde 17 de abril, mas voltou aos relvados e foi otimista na antevisão à temporada 2022/23.

«Vejo a equipa a ir muito bem e estou feliz por jogar. Quero fazer coisas boas e ter uma temporada muito boa. E quando isso acontece, todos ficam bem e felizes. Com certeza será uma época muito boa», atirou.

O Manchester vai, agora, regressar a Old Trafford onde este domingo vai defrontar o Rayo Vallecano, num jogo em que Cristiano Ronaldo já estará disponível.

Leave a Reply