Ponto final da carreira de jogador para assumir cargo no treinador adjunto no Benfica

Javi García anunciou, esta quarta-feira, o ponto final na carreira de futebolista. O médio espanhol, de 35 anos, prepara-se para ser adjunto de Roger Schmidt no Benfica.

Javi García cumpriu toda a formação no Real Madrid mas foi ao serviço do Osasuna que despontou no futebol sénior. No verão de 2009 rumou ao Benfica e, mais tarde, jogou por Manchester City, Zenit e Bétis, acabando a carreira em Portugal ao serviço do Boavista.

No final da mensagem, o espanhol deixa a antever a mudança para a Luz, abraçando uma nova carreira: «Agradeço a todos os que me acompanharam neste caminho e de certeza que nos veremos em breve.»

Leave a Reply