Benfica volta a vencer em tribunal processo que queria fechar a Luz por um jogo

Mais um processo em que o Benfica foi absolvido pelo Juízo Local Criminal de Lisboa de um castigo de jogo à porta fechada referente à temporada 2020/21. A Autoridade para a Prevenção e Combate à Violência no Desporto (APCVD) tinham castigado o clube em dezembro de 2020 pelo um alegado apoio aos grupos organizados de adeptos.

O castigo não foi cumprido na altura por não haver adeptos nas bancadas devido ao covid-19. Um dos argumentos utilizados pela APCVD foi a presença do antigo presidente do Benfica no aniversário de um dos grupos de adeptos organizados.

O Benfica não concordou  com o castigo aplicado e recorreu para o mesmo Tribunal, ganhando agora a causa. “Preenchidas, em nenhuma das alegadas infrações, nem o elemento objetivo, nem o elemento subjetivo do tipo contraordenacional”, pelo que “cumpria absolver o recorrente”. Não conseguiram provar que o Benfica apoiava os grupos a nível “financeiro ou material” como já era espectável.

A decisão foi transitada em julgada sendo que já não há maneira de recorrer do castigo. O Benfica acabou por vencer mais uma batalha jurídica.

Leave a Reply