Oficial: Everton assina em definitivo pelo Flamengo

O Sport Lisboa e Benfica comunicou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) que chegou a acordo com o CR Flamengo para a transferência a título definitivo de Everton.

Oriundo do Grémio de Porto Alegre, o internacional brasileiro Everton foi apresentado oficialmente no Benfica no dia 14 de agosto de 2020, numa cerimónia que decorreu no Benfica Campus.

Volvido um mês (15 de setembro de 2020), o extremo debutou em competição envergando o Manto Sagrado com o número 7. Na Grécia, frente ao PAOK, numa partida referente à 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões, Everton foi titular e somou os primeiros 90 minutos dos quase 6000 que viria a acumular nas duas temporadas em que representou as cores do Glorioso.

No Minho, na jornada de abertura do Campeonato Nacional 2020/21, Everton acertou por uma vez nas redes da baliza do Famalicão, celebrando o seu primeiro golo pelo Benfica. Foi na tarde/noite de 18 de setembro de 2020, na vitória por 1-5.

O internacional brasileiro completaria a época 2020/21 com um total de 48 jogos oficiais disputados e 8 golos anotados ao serviço das águias. Os números de desempenho não se alteraram significativamente na temporada 2021/22: Everton alinhou em 47 jogos e acrescentou 7 golos à sua ficha pessoal no Clube.

Minutos depois do Benfica foi a vez de o Flamengo anunciar a contratação de Everton, novo camisola 7 do Mengão.

O extremo brasileiro, de 26 anos, custa 13,5 milhões de euros ao emblema do Rio de Janeiro após duas temporadas na Luz e mostra-se convicto que irá corresponder às expectativas dos adeptos do Flamengo.

«As expectativas são as melhores possíveis. Espero ser feliz com o Manto Sagrado. A Nação é diferente, não esperava essa recepção. Estou muito feliz e espero corresponder dentro de campo», disse Everton nas primeiras palavras como jogador do Fla.

Everton utilizou as redes sociais para, depois de ter sido anunciado como reforço do Flamengo, se despedir do Benfica. Na curta mensagem, o extremo brasileiro lamenta que a passagem pelas águias não tenha sido pautada por momentos de maior brilhantismo.

«Fica aqui o meu agradecimento ao Benfica por estas duas temporadas. Certamente não foi da forma que imaginávamos, foram duas temporadas difíceis e de muito aprendizado e sabedoria. Saio em busca de um novo desafio, mas com a certeza de que sempre carregarei as melhores memórias. Obrigado!», escreveu.

Leave a Reply