Andreia Faria renovou contrato com o Sport Lisboa e Benfica até 2024

A média Andreia Faria renovou contrato com o Sport Lisboa e Benfica até 2024. A bicampeã chegou à Luz em 2018/19, proveniente do Vilaverdense após ter feito a formação no Diogo Cão e no Abambres, e já conta com mais de uma centena de partidas de águia ao peito.

Na hora de estender a ligação ao clube do coração na presença do Presidente Rui Costa, a internacional lusa (recentemente convocada para o Europeu) assumiu ser “um motivo de orgulho” e apontou à conquista do “Tricampeonato na próxima época”.

É um orgulho poder prolongar o contrato com esta grande instituição que é o Sport Lisboa e Benfica. Espero ficar muitos mais anos, porque é o meu clube do coração e é um clube que adoro representar“, afirmou Andreia Faria, em palavras dirigidas à BTV.

Andreia Faria

“É um motivo de orgulho. Já estou nesta casa há quatro anos. São 116 jogos, espero atingir muitos mais”

Andreia Faria

Pelas encarnadas já conquistou sete títulos Seniores: 2 Campeonatos Nacionais, 2 Taças da Liga, 1 Supertaça, 1 Taça de Portugal e 1 Campeonato Nacional da 2.ª Divisão. Sente-se orgulhosa do que alcançou, mas quer mais…

“É um motivo de orgulho. Já estou nesta casa há quatro anos. São 116 jogos [110 pelas Seniores e seis pelas Juniores], espero atingir muitos mais e que continuem a ser assim: recheados de vitórias e bons sentimentos”, desejou.

A média tem características mais defensivas, mas é fundamental no equilíbrio coletivo. No momento em que vai entrar na 5.ª temporada pelo Benfica recordou a evolução feita no seu jogo.

“As minhas características são as mesmas, o jogo que gosto de fazer não mudou, mas claro que sou uma jogadora mais evoluída e, com ajuda do Benfica, melhorei muitos aspetos menos bons”, reconheceu Andreia Faria.

Andreia Faria

“A conquista da Liga BPI é a mais importante, porque permite-nos jogar na Champions League, que é um ambiente em que todas as jogadoras querem estar”

Jogadora completa, a internacional portuguesa até prefere “fazer assistências”, mas há um golo especial entre os 18 que apontou de águia ao peito: no Estádio da Luz, diante do Sporting, aquando da conquista do título de 2021/22.

“Costumo dizer que não gosto muito de marcar golos e que prefiro fazer assistências, mas esse golo é um marco na minha carreira, porque foi no dia do título nacional e foi inesquecível”, admitiu.

Com a conquista da Liga BPI vem nova participação na Liga dos Campeões feminina. A experiência da época passada foi positiva e a benfiquista sublinhou a importância de jogar uma competição deste nível.

A conquista da Liga BPI é a mais importante, porque permite-nos jogar na Champions League, que é um ambiente em que todas as jogadoras querem estar, porque estão as melhoras jogadoras e equipas. É muito bom para nós jogarmos a Liga dos Campeões“, considerou.

Andreia Faria e o Presidente Rui Costa

O Benfica é o atual Bicampeão Nacional de futebol feminino, mas o ADN do Clube obriga a pensar em mais conquistas.

No Benfica só pensamos em jogar para vencer. Portanto, queremos conquistar o Tricampeonato na próxima época”, garantiu Andreia Faria.

Leave a Reply