1ª fase da Liga Placard finalizada com triunfo sobre o AD Fundão

No Pavilhão Fidelidade, a equipa de futsal do Benfica rematou a 1.ª fase da Liga Placard com um triunfo (6-4) sobre a AD Fundão na 26.ª jornada, neste sábado, 14 de maio. Nos quartos de final do play-off o Glorioso medirá forças com o Leões de Porto Salvo.

Seis golos, três para cada lado, foram o produto de uma primeira parte muito viva. O Benfica adiantou-se e marcou por intermédio de Jacaré (3′), Chishkala (7′) e Rocha (7′). Reagindo e tirando partido de um abaixamento dos níveis de intensidade e de concentração das águias, a AD Fundão materializou ataques nos minutos que antecederam o intervalo, com Felipe Leite (17′), Mário Freitas (19′) e Peléh (19′) a forçaram uma igualdade (3-3).

O recomeço da partida sorriu aos forasteiros, que apontaram o 3-4 por Iury Bahia (22′). No entanto, para o minuto 27 estava guardado o golo de Rocha, restabelecendo o empate (4-4).

Equipa do Benfica

Ainda havia (muito) tempo para ganhar o duelo e o Benfica, apesar de privado de Arthur (expulso), foi bem-sucedido na sua missão. Chishkala, na cobrança de uma grande penalidade (34′), devolveu à equipa o comando do marcador (5-4). No último minuto do desafio, Carlos Monteiro apontou o seu segundo golo na prova e lapidou o 6-4 final.

Segundo classificado na 1.ª fase da Liga Placard (com 68 pontos, menos um do que o Sporting), o Benfica vai bater-se com o Leões de Porto Salvo nos quartos de final do play-off da competição. Antes, porém, os comandados de Pulpis terão na agenda a final eight da Taça de Portugal, enfrentando a ADCR Caxinas Poça Barca no jogo dos quartos de final aprazado para as 21h00 de quarta-feira18 de maio, no Pavilhão Multiusos de Sines.

Pulpis

DECLARAÇÕES

Pulpis (treinador do Benfica): “Fizemos 10 minutos magníficos, os melhores da época, alcançámos o mais difícil, que era conseguir uma vantagem de três golos, mas depois não a gerimos bem, baixámos a intensidade e a concentração, e o adversário, que também teve o seu mérito, aproveitou. Temos de rever essa situação, não podemos sofrer quando conseguimos o mais difícil. Depois, demonstrámos personalidade e carácter, fomos atrás do resultado e conseguimos o triunfo. É sempre bom terminar esta 1.ª fase com uma vitória, mas lamentamos a perda do Arthur [foi expulso] para o arranque do play-off. É uma baixa muito importante.”

Benfica-AD Fundão
6-4
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
Roncaglio, Silvestre Ferreira, Arthur, Nilson e Jacaré
Suplentes
Martim Figueira, Afonso Jesus, Henmi, Chishkala, Tayebi, Carlos Monteiro, Rocha e Bruno Cintra
Cinco inicial da AD Fundão
Luan Muller, Nem, Peléh, Mário Freitas e Iury Bahia
Suplentes
Paulo Pereira, Tiago Couto, Rui Moreira, Guilherme Duarte, Wilson Cabral, Edmilson Sá, Bebé e Felipe Leite
Ao intervalo3-3
Golos
Benfica: Jacaré (3′), Chishkala (7′ e 34′ gp), Rocha (7′ e 27′) e Carlos Monteiro (40′); AD Fundão: Felipe Leite (17′), Mário Freitas (19′), Peléh (19′) e Iury Bahia (22′)

Leave a Reply