Site icon TerceiroAnel.blog

Everton: “Estudei lacunas do adversário para explorar pontos fracos”

Advertisements

O Benfica vai a Anfield Road decidir a eliminatória com o Liverpool. Reconhecendo que a equipa enfrenta um adversário entre os “melhores do mundo”, Everton vincou a qualidade do coletivo para tentar reverter o resultado do jogo disputado na Luz (1-3). O embate da 2.ª mão dos quartos de final da Liga dos Campeões está agendado para as 20h00 desta quarta-feira, 13 de abril.

Em conferência de Imprensa e, antes, aos microfones da BTV, o médio assumiu a dificuldade da tarefa que o Benfica tem pela frente e apontou que as águias terão de fazer um jogo “teoricamente perfeito” para se manterem em competição. Everton comentou ainda a importância do apoio dos adeptos nesta fase decisiva e o orgulho da equipa pela presença nos quartos de final da Liga dos Campeões.

“Temos de fazer um jogo de estratégia, teoricamente perfeito, onde não podemos sofrer golos. Temos de estar concentrados e preparados para ser um grande jogo”

Everton

Qual a estratégia do Benfica para o jogo?

Sabemos que é um jogo muito difícil, temos de fazer dois golos para empatar a eliminatória. O Liverpool é uma das melhores equipas do mundo neste momento, mas sabemos da nossa qualidade e que podemos ir lá reverter o resultado. Vamos com concentração máxima e vamos procurar tomar as melhores decisões no jogo, seja defensiva ou ofensivamente. Temos de fazer um jogo de estratégia, teoricamente perfeito, onde não podemos sofrer golos. Temos de estar concentrados e preparados para ser um grande jogo.

Como é que o coletivo lida com a ausência de Rafa perto de um encontro tão importante como este com o Liverpool?

Sabemos da importância que o Rafa tem na equipa, mas quem o míster escolher para jogar estará bem preparado. Somos uma equipa, temos de ter esta união. Independentemente de quem jogar, sei que vai suprir a ausência do nosso companheiro.

No jogo da 1.ª mão, a nível individual, que dificuldades encontrou e como pode contrariá-las nesta partida?

Tenho procurado estudar a equipa deles. Depois do primeiro jogo, vê-se de forma diferente. Sei da qualidade do adversário, qualidade coletiva e individual, nomeadamente do Alexander-Arnold e do [Ibrahima] Konaté. Tenho procurado ver onde têm dificuldades para eu explorar. Espero estar numa noite feliz para dar alegria aos adeptos.

“Os adeptos têm-nos apoiado, foi assim longo de toda a competição. Pudemos fazer grandes jogos e esperamos ter o apoio deles, como na última eliminatória com o Ajax”

Everton

Como é que encaram o entusiasmo dos adeptos com a prestação da equipa na Liga dos Campeões?

Tem sido muito importante. Os adeptos têm-nos apoiado e foi assim longo de toda a competição. Pudemos fazer grandes jogos e esperamos ter o apoio deles, como na última eliminatória com o Ajax. Foram fundamentais para chegarmos à vitória [na Arena Johan Cruijff] e esperamos que estejam novamente connosco.

Qual a sensação de jogar num estádio mítico como Anfield Road e como é que a equipa se sente por participar na maior prova de clubes?

Temos orgulho. Todo o jogador que esteja numa equipa como o Benfica tem de estar preparo para este tipo de jogo. É uma equipa com história europeia, quem veste esta camisola tem de estar bem preparado, de querer e de almejar estes jogos. Vamos concentrados e preparados. Temos de chegar lá, desfrutar do jogo e dar o melhor para sairmos com um resultado positivo.

Exit mobile version