Fernando Santos averso ao Benfica Campus salvo quando é impossível evitar

Embora João Félix esteja a dar sinais de crescimento no Atlético Madrid, onde tem jogado com mais regularidade e marcado golos, o mesmo não aconteceu ao serviço da Seleção Nacional durante o play-off de acesso ao Mundial.

O avançado apenas contou com 22 minutos no somatório dos jogos com a Turquia (19 minutos) e com a Macedónia do Norte (3 minutos), pormenor destacado pelo As.

O selecionador Fernando Santos preferiu apostar em Diogo Jota, Bernardo Silva (difícil evitar um dos melhores do mundo) e Otávio (jogador do Porto naturalizado), e até nas substituições o avançado Rafael Leão esteve em vantagem face a Félix.

A ideia que parece mais evidente é a de que do Benfica Campus só se forem os melhores do mundo na posição. De outra forma a aposta irá sempre para as canteras do Olival e de Alcochete. Uma coincidência misteriosa, quando se percebe que até se naturalizam jogadores para evitar chamar qualquer um que tenha alguma ligação ao Benfica.

Leave a Reply