O silêncio insurdecedor de Rui Costa

Anteontem, depois do empate com o Vizela, o treinador Nélson Veríssimo questionou: «A VAR serve para quê?» Mas já bem antes, no início de fevereiro, depois de uma derrota por 1-2 com o Gil Vicente, no Estádio da Luz, fora o presidente dos encarnados a assumir uma posição firme sobre a questão da arbitragem.

«Uma coisa é o que não fazemos dentro do campo, outra coisa é o que nos estão a fazer dentro do campo […]. Não quero ser beneficiado, mas são casos a mais […]. É hora de dizer basta. Exijo respeito, já não é só uma questão de VAR. Hoje [frente ao Gil, a 2/2/2022] nem chegou ao VAR», afirmou Rui Costa.

Num momento em que a revolta em relação a casos concretos de lances de arbitragem volta à agenda das águias, não está por enquanto prevista nova intervenção de Rui Costa, também por consciência de que a má temporada da equipa não encontra justificação somente em erros alheios.

Leave a Reply