Voleibol do Benfica bate o Leixões e garante presença dos quartos-de-final da Taça de Portugal

Benfica assegurou a presença nos quartos de final da Taça de Portugal de voleibol ao bater o Leixões neste domingo, 20 de fevereiro, no Pavilhão n.º 2 da Luz, por 3-1. 

turma de Matosinhos veio à Luz discutir a eliminatória e foi isso que fez no 1.º set. Entrada forte do Leixões que surpreendeu o Benfica, não o deixando usar a defesa baixa e o contra-ataque para travar o maior atrevimento leixonense nas zonas 4 e 2. Ainda assim, o Benfica mostrou-se através dos ataques na pipe e do side out, fechando o 1.º set em 25-22

A exibição do Leixões no 1.º set teve sequela no 2.º set da partida. Muito equilíbrio, com várias alternâncias no marcador. Benfica forte nos ataques na zona central da rede; o Leixões estava forte no bloco e com uma zona 4 muito assertiva. Na parte final do 2.º set, o Leixões distanciou-se e venceu, por 21-25

Benfica-Leixões

Ao susto, o Benfica respondeu com mestria. Melhoria ao nível do bloco, na receção e nos ataques junto à rede, nomeadamente nas zonas 2 e central, dificultaram a defesa e consequente contra-ataque do Leixões, que nunca se conseguiu encontrar para equilibrar o 3.º set. As águias ganharam, por 25-16.

No 4.º set, o jogo regressou à toada que se vira nos dois primeiros: equilíbrio e alternância no comando do resultado. Variabilidade ofensiva do Leixões a criar dificuldades aos encarnados, bem como o uso do bloco fora. O Benfica tinha na zona 4 e na de oposto os “carregadores de piano” ofensivos. Na parte final do 4.º set, o Benfica foi obrigado a puxar dos galões para vencer, por 25-23, fechando o encontro em 3-1, e garantindo, assim, a passagem até aos quartos de final da prova-rainha.  

Os encarnados não param a competição e nesta segunda-feira, 21 de fevereiro, às 20h00, recebem a Fonte do Bastardo em mais uma ronda do Campeonato Nacional. 

Benfica-Leixões

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): “Temos de trabalhar sempre e duro, independentemente do jogo que for. Essa é a melhor saída para vencer. [O Leixões] é uma equipa que começou bem esta segunda fase do campeonato e podiam arriscar neste jogo. Jogaram bem.”

Benfica-Leixões
3-1
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
Rapha, Peter Wolfhi, Bernardo Westermann, Hugo Gaspar, Japa, Zelão e Ivo Casas (L)
Suplentes
André Lopes, Pablo Natan, Lucas França, Tiago Violas e Bernardo Silva (L)
1.º set2.º set3.º set4.º set
25-2221-2525-1625-23

Leave a Reply