Basquetebol do Benfica arrasa Académica de Coimbra na Luz por 110-63

A equipa de basquetebol do Benfica recebeu e venceu neste sábado, no Pavilhão Fidelidade, a Académica de Coimbra, por 110-63, em partida referente à 7.ª jornada da Liga Betclic. 

Foi sob o signo do triplo que decorreu o 1.º quarto. A Académica abriu as hostilidades com os primeiros dois tiros que saíram atrás da linha dos três pontos, mas o Benfica respondeu a preceito e terminou os primeiros 10 minutos do jogo com 7 em 11 (63%) no tiro exterior. Esta elevada eficácia aliada à defesa agressiva colocou o resultado do 1.º quarto em 35-16 para as águias.

O Benfica veio para o 2.º quarto com menor eficácia do ponto de vista ofensivo, e aproveitou a Académica para encurtar distâncias no resultado, aspeto que não agradou a Norberto Alves, que parou a partida. O time out resultou, pois o Benfica melhorou no capítulo do lançamento e foi para o intervalo a vencer por 20 pontos e com uma cifra acima dos 50 pontos (51-31).

No reatamento voltou a ver-se o Benfica do 1.º quarto: ataques fluídos, defesa agressiva e eficácia no lançamento, sobretudo nos dois e nos três pontos. A turma de Coimbra não conseguia parar o melhor basquetebol dos encarnados, o resultado avolumava-se e Norberto Alves aproveitava para dar minutos aos jovens da formação. No final do 3.º quarto, o marcador assinalava 87-47.

Foi já em modo gestão que o Benfica entrou no 4.º quarto do desafio. Ainda assim, os pontos iam caindo e o Glorioso alcançou a centena de pontos através do afundanço de Khaliq Spicer. O jogo estava resolvido no Pavilhão Fidelidade e fechou com o resultado de 110-63 para os da casa.

O Benfica soma agora 11 pontos na classificação e vira agulhas para a FIBA Europe Cup, competição em que vai medir forças, na Rússia, com o Parma Parimatch.

Benfica-Académica

DECLARAÇÕES

Norberto Alves (treinador do Benfica): “Viemos de um jogo muito difícil nos Países Baixos e o pior que pode acontecer nestes jogos é a equipa relaxar. E a equipa não relaxou. Teve sempre uma ótima atitude, de princípio a fim, jogando o nosso modelo de jogo. Foi importante para rodar a equipa, fazer descansar jogadores. Vamos ter agora um jogo na Rússia com três voos para lá e três voos para cá. Isso maça um pouco. Quem jogou, fez o melhor possível para a equipa vencer. Hoje joguei contra um clube que me diz muito. Estive oito anos na Académica, sou de Coimbra e desejo tudo de bom para a Académica. ‘É um dos meus amores’, como dizia o capitão Mário Wilson. Sempre encarei o papel de treinador como algo para ajudar a equipa e servir os clubes. Faço o meu melhor para os fazer crescer como jogadores, como equipa. Estão de parabéns, e agora é continuar, porque vêm aí grandes batalhas.”

Benfica-Académica
110-63
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
Aaron Broussard, Diogo Gameiro, Betinho Gomes, Arnette Hallman e James Farr
Suplentes
Eduardo Francisco, Travis Munnings, José Silva, José Barbosa, Guilherme Saiote, Khaliq Spicer e Makram Ben Romdhane
1.º quarto2.º quarto3.º quarto4.º quarto
35-1651-3187-47110-63
Pontuadores do Benfica
José Silva (26), Diogo Gameiro (21), Khaliq Spicer (17), Aaron Broussard (15), James Farr (10), Betinho Gomes (7), Arnette Hallman (4), Eduardo Francisco (4), Guilherme Saiote (4) e Travis Munnings (2)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.