Darwin Núñez regressou aos golos em Munique e cimentou posição de máximo goleador das águias

Darwin Núñez entrou no jogo com o Bayern Munique ao minuto 64 e precisou somente de mais 10’ para marcar golo, o segundo do Benfica no confronto de Munique.

O avançado uruguaio, de 22 anos, não festejava precisamente desde o jogo anterior de Liga dos Campeões: sonante vitória frente ao Barcelona, por 3-0, no Estádio da Luz e com dois golos de Darwin. Desde esse encontro e até anteontem, frente aos bávaros, o ponta de lança foi titular com Portimonense, Bayern Munique, em casa, Vizela e Estoril, fora, mas sempre sem sucesso na pontaria à baliza.

Darwin destaca-se como o melhor marcador do plantel, agora com sete golos apontados – em 12 jogos -, três na Liga dos Campeões e quatro no Campeonato, competição onde os golos do avançado nesta altura mais faltam farão, pois o Benfica luta para recuperar a liderança da tabela classificativa, ou pelo menos para nela não cair ainda mais. Poupado a mais minutos em Munique, o uruguaio aponta ao SC Braga.

Leave a Reply