Benfica abre investigação interna sobre eventuais cúmplices de Vieira para vender acções a John Textor

O Benfica anunciou que vai iniciar de imediato um processo de averiguação interno, na sequência da notícia avançada pelo jornal ‘Nascer do Sol’ a dar conta que Luís Filipe Vieira teve cúmplices para vender acções ao empresário americano John Textor.

O antigo presidente dos encarnados teria contado com a ajuda de dois colaboradores (Hugo Ribeiro, director do departamento internacional, e Carlos Janela, assessor de comunicação da SAD), prometendo-lhes elevadas comissões com a concretização do negócio.

«Tendo em conta as recentes notícias vindas a público, o Sport Lisboa e Benfica informa que vai iniciar, de imediato, um processo de averiguação interno quanto ao possível envolvimento de dois colaboradores seus num alegado negócio respeitante à transacção de participações qualificadas da sua SAD», pode ler-se em comunicado.

Leave a Reply