Triunfo inquestionável no Andebol sobre o Póvoa AC

O Benfica recebeu e venceu de forma clara o Póvoa AC por 38-30 no Pavilhão n.º 2 da Luz em jogo da 6.ª jornada do Campeonato Nacional de andebol. Os encarnados seguem 100% vitoriosos na competição.

O equilíbrio inicial entre as duas equipas, com vantagens curtas no marcador a oscilarem para cada um dos lados, terminou à passagem dos 10 minutos. O Benfica com maior eficácia defensiva, aproveitando também alguns erros no ataque do Póvoa, foi consolidando uma vantagem natural.

Petar Djordjic

Desconcentrados, os forasteiros viram os comandados de Chema Rodríguez serem implacáveis no contra-ataque. Rapidamente, de um 9-8 para os encarnados, o marcador passou para 16-8, levando o técnico do Póvoa, Jorge Carvalho, a pedir um desconto de tempo para recompor a sua equipa.

Porém, a vantagem gerada pelo Benfica foi sendo gerida, sobretudo, graças a rápidos contra-ataques, e ao intervalo o diferencial de oito golos era natural.

Na segunda parte, Chema Rodríguez geriu a equipa, promovendo algumas alterações, e o Benfica foi controlando o desenrolar dos acontecimentos. O ritmo de jogo foi naturalmente baixando, as preocupações defensivas das duas equipas também foram sendo menores, curiosamente permitindo que ofensivamente as equipas desperdiçassem oportunidades de golo.

Lazar Kukic

O Póvoa acabou por igualar o Benfica no marcador do parcial, com 15-15, mas a diferença estabelecida no primeiro tempo foi suficiente para que a vitória encarnada fosse tranquila, com a equipa a somar o quinto triunfo em cinco encontros para o Campeonato Nacional de andebol. Jonas Källman e Petar Djordjic, ainda assim, destacaram-se com seis golos, logo seguidos por Ole Rahmel com cinco.

Chema Rodríguez

DECLARAÇÕES

Chema Rodríguez (treinador do Benfica): “Queremos tentar jogar fortes desde o princípio do jogo, conseguir uma boa vantagem e tornar os jogos um pouco mais tranquilos. Sabemos que temos muitos jogos em pouco tempo e temos muitos objetivos. É sempre bom guardar um pouco de forças para os jogos que aí vêm. Nesse sentido, fizemos um trabalho muito bom na primeira parte, e na segunda mantivemos a vantagem.”

Ole Rahmel
Benfica-Póvoa AC
38-30
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
Sergey Hernández, Jonas Källman, Alexis Borges, Ole Rahmel, Lazar Kukic, Demis Grigoras e Petar Djordjic
Suplentes
Gustavo Capdeville, Mahamadou Keita, Arnau García, Bélone Moreira, Paulo Moreno, Carlos Martins, Rogério Moraes e Tadej Kljun
Ao intervalo23-15
Marcadores do Benfica
Jonas Källman (6), Petar Djordjic (6), Ole Rahmel (5), Paulo Moreno (4), Carlos Martins (3), Rogério Moraes (3) Demis Grigoras (3), Arnau García (3), Alexis Borges (2), Lazar Kukic (1), Mahamadou Keita (1) e Bélone Moreira (1) 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.