Supremo Tribunal Administrativo impede FPF de fechar a Luz por castigo ao Benfica

O Supremo Tribunal Administrativo recusou a admissão do recurso interposto pela Federação Portuguesa de Futebol a propósito da revisão da decisão proferida pelo Tribunal Central Administrativo Sul (TCAS) a revogar a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) de anular o castigo de um jogo à porta fechada aplicado pelo Pleno da Secção Profissional da Federação Portuguesa de Futebol ao Benfica, a propósito do mau comportamento dos adeptos (arremesso perigoso de objecto, uma tocha, com reflexo no jogo, que foi interrompido) no Estoril-Benfica realizado a 21 de abril de 2018.

Com esta decisão esgotaram-se os recursos, pelo que o Benfica não terá de cumprir o castigo ditado pela FPF.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.