Hóquei em patins encarnado cai nos quartos de final da Elite Cup perante o Juventude Viana

A equipa de hóquei em patins do Benfica foi eliminada nos quartos de final da edição 2021/22 da Elite Cup ao perder, nas grandes penalidade, com a Juventude Viana, por 0-2, após 3-3 no fim dos 50 minutos de tempo regulamentar.  

No Pavilhão Municipal Cidade de Tomar, o Benfica apareceu acutilante, a jogar a um ritmo alto e a colocar as transições rápidas para o ataque como modus operandi para abrir a defesa minhota. Tal aconteceu aos 4′, através da pontaria afinada de Diogo Rafael

Juventude Viana sentia dificuldades em chegar à área encarnada e das poucas vezes que o conseguiu na primeira parte, não importunou verdadeiramente Pedro Henriques. As águias iam somando oportunidades e perto do descanso, Lucas Ordoñez introduziu a bola na baliza nortenha, mas o tento foi invalidado. O intervalo chegou com o Benfica na frente, por 1-0.  

Diogo Rafael

Para a etapa complementar, o conjunto minhoto até veio mais perigoso, mas foi o Benfica que esteve perto do 2-0, aos 32′, através de um livre direto apontado por Carlos Nicolía e que bateu no poste. Na resposta, a Juventude Viana, num contra-ataque, fez o 1-1 por Gustavo Lima (35′).  

As águias não estavam numa boa fase ofensiva e defensiva e, aos 36′ e aos 37′, em dois livres diretos, os minhotos ficaram perto dos festejos, mas Rémi Hérman não conseguiu bater Pedro Henriques. O francês redimiu-se pouco depois, e num lance de bola corrida, fez o 1-2, aos 38′.

A perder, os da Luz carregaram e, aos 43′, usufruíram de uma grande penalidade, mas Nicolía falhou. Aos 47′, num livre direto, foi Lucas Ordoñez a não concretizar. Os lances de bola parada sucediam-se e, aos 48′, de livre direto, foi Reinaldo Ventura a fazer o 1-3 para a Juventude Viana. Bola ao centro e golo do Benfica, por Lucas Ordoñez2-3, aos 49′. Emoção ao rubro em Tomar e nos últimos segundos, Nicolía, de grande penalidade, empatou 3-3.  

Nas grandes penalidades, Rémi Hérman e Reinaldo Ventura marcaram para a Juventude Viana, enquanto do lado encarnado ninguém bateu Bruno Guia. Neste sábado, às 21h00, o Benfica enfrenta o Valongo.  

Nuno Resende

DECLARAÇÕES

Nuno Resende (treinador do Benfica): “Dar os parabéns à Juventude Viana por ter vencido e aos meus jogadores pelo que trabalharam. Deixaram tudo em campo e lutaram. Essa garra vai ser fundamental, e as coisas menos boas vão servir para crescermos.”

Pedro Henriques (guarda-redes do Benfica): “Como vimos na primeira parte, a Juventude Viana veio especular um pouco o jogo, pouco tocou na bola, mas têm uma boa equipa e com mais qualidade do que aparenta. Com muita raça, crer e na ambição conseguimos levar o jogo para as grandes penalidades.”

Benfica-Juventude Viana
3-3 (0-2, nas gp)
Pavilhão Municipal Cidade de Tomar
Cinco inicial do Benfica
Pedro Henriques, Diogo Rafael, Carlos Nicolía, Edu Lamas e Pablo Álvarez
Suplentes
Rodrigo Vieira, Lucas Ordoñez, Pol Manrubia, Poka e Gonçalo Pinto
Ao intervalo1-0
Golos do Benfica
Diogo Rafael (4′), Lucas Ordoñez (49′) e Carlos Nicolía (50′)
Marcha do marcador
1-0, 1-1, 1-2, 1-3, 2-3 e 3-3 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.