Yaremchuk considera jogo onde bisou pela Ucrânia como um “fracasso”

Roman Yaremchuk, avançado ucraniano que este verão reforçou o Benfica, foi protagonista no empate de ontem da seleção do seu país no Cazaquistão (2-2) ao apontar o golo inaugural do encontro, logo aos 2 minutos do desafio. O resultado final, ainda assim, não satisfez as pretensões dos ucranianos, que soma quatro empates em quatro jogos e ocupa a segunda posição no grupo D. Yaremchuk, que foi substituído aos 59 minutos, apontou um golo monumental (parou duas vezes no peito e rematou de pé direito de fora da área), mas no final o avançado classificou o resultado de «um desastre».

«Em primeiro lugar aquilo que interessava era o resultado. Perdemos pontos, então acho que este jogo foi um fracasso». A Ucrânia chegou ao 2-1 aos 90+3 mas um minuto depois permitiu o segundo golo do Cazaquistão. «Era muito importante hoje [ontem] conseguirmos os três pontos para estarmos na luta para a qualificação para o Campeonato do Mundo. Não conseguimos esse objetivo e isso foi um desastre para nós. Não sei se a classificação ficou comprometida. Temos de olhar para o jogo, ver o que não fizemos bem e seguir em frente.» 

Leave a Reply