Época desportiva do Benfica no masculino foi das piores que há memória

Com a humilhação (2-6, o mesmo resultado sofrido na final da Taça da Liga frente aos leões) sofrida na Luz diante do Sporting, no jogo 4 da final do campeonato nacional de futsal, colocou-se ponto final numa temporada para esquecer por parte do Benfica. A nível de futebol e modalidades, apenas o voleibol e futebol feminino conseguiram o objetivo principal, garantindo a conquista dos respetivos campeonatos. 

No futebol feminino, as águias sagraram-se campeãs de forma categórica, com um 3-0 em Alvalade, e venceram ainda a Taça da Liga, também diante das leoas, por 2-1.

Em 2020/21, a equipa de Marcel Matz venceu a Fonte do Bastardo na final (3-0), perdeu na meia-final da Taça de Portugal para o Sporting mas conseguiu vencer a Supertaça, batendo o Sporting Espinho.

No futebol, o ‘falhanço’ é já por demais conhecido, com as águias, com enormes expectativas após o regresso de Jorge Jesus e o investimento milionário de 100 milhões de euros, a não conseguirem melhor do que o 3.º lugar no Campeonato. Na Liga Europa, adeus imediato nos 16avos de final aos pés do Arsenal e nas Taças a situação não foi melhor: derrota na meia-final da Taça da Liga com o SC Braga (1-2) e novo desaire com os bracarenses na final da Taça de Portugal, em Coimbra, por 0-2. Na Supertaça, os encarnados também foram vergados, em Aveiro, pelo FC Porto, por 0-2.

No hóquei em patins, as águias caíram nas meias-finais do play-off. Com vantagem de 2-1 na eliminatória contra o FC Porto e após dois triunfos no Dragão Arena, a equipa de Alejandro Domínguez acabaria por perder os jogos 4 e 5, com os dragões a avançarem para a final com o Sporting. Na Liga Europeia, os encarnados foram eliminados pelo Sporting na meia-final: 5-5, 1-2 nas grandes penalidades. Devido à pandemia, a Taça de Portugal da modalidade foi cancelada.

No basquetebol, o conjunto de Carlos Lisboa chegou à meia-final do play-off mas não teve argumentos para contrariar o poderio do Sporting, com os leões a selarem a conquista do campeonato na final frente ao FC Porto. Na Taça de Portugal, derrota na meia-final diante do Imortal e na Hugo dos Santos novo desaire, dessa vez com o FC Porto.

Em relação ao andebol, e apesar de o FC Porto ter partido para a temporada como favorito, o Benfica terminou o campeonato no 3.º lugar, atrás de dragões e leões, e perdeu a final da Taça de Portugal (27-31) para os azuis e brancos, que celebraram a ‘dobradinha’.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.