Jorge Jesus já detectou sector na equipa que precisa de reforçar

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, admitiu em entrevista de 28 de fevereiro passado, à televisão do clube, que faltou contratar um médio para o plantel, isto numa altura em que explicava detalhadamente a forma como foi construído o plantel de Jesus.

Na verdade, o meio-campo foi provavelmente o grande quebra-cabeças do técnico ao longo da temporada e uma equipa milionária acabou por crescer à volta de um setor que não recebeu reforços.

O único intocável no final da temporada, o médio alemão Julian Weigl, demorou praticamente seis meses a impor-se e nem sequer esteve longe de deixar o clube em janeiro. Jesus afirmaria depois em mais do que uma ocasião que trabalhara alguns aspetos de maneira a moldar Weigl como queria e encontrou então o seu 6, em detrimento de Gabriel, que na segunda parte da época foi jogando esporadicamente, aparecendo quase sempre como suplente utilizado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.