Dérbi terá mesma estratégia definida que teve o clássico

No dérbi como se fosse o clássico. É esta a estratégia de Jorge Jesus para a receção de amanhã ao Sporting no que diz respeito ao onze a apresentar de início. O treinador de 66 anos tem a equipa praticamente na máxima força – exceção aos lesionados de longa data como André Almeida e Samaris – mas as apostas não deverão diferir daquelas apresentadas na partida recente com o FC Porto.

O que implica, desde logo, o regresso ao 3x4x3. No jogo que intermediou as duas partidas, na Madeira, com o Nacional, Jesus voltou a jogar em 4x4x2, deixando Jan Vertonghen no banco de suplentes, formando dupla de centrais com Lucas Veríssimo e Otamendi. O defesa central belga, de 34 anos, deve, assim, ser primeira opção, ele que é o jogador com mais minutos esta temporada no plantel encarnado.

Diogo Gonçalves (que cumpriu jogo de castigo na Madeira por acumulação de amarelos) e Grimaldo regressam para as laterais do meio-campo, onde apenas deverá manter-se Julian Weigl em relação ao jogo da Madeira. O médio alemão deverá ter Pizzi como companheiro de setor.

Na linha ofensiva, Seferovic, a lutar pelo troféu de melhor marcador do campeonato, tem lugar cativo, assim como Everton Cebolinha, autor do golo encarnado frente ao FC Porto, ele que tem subido de rendimento nos últimos jogos. Para o lado oposto regressa Rafa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.