Odysseas Vlachodimos mantém o seu lugar… no banco das águias

Jorge Jesus disse o que tinha a dizer na conferência de Imprensa de antevisão da partida com o Marítimo sobre a entrevista de Odysseas Vlachodimos à publicação Sport 24, na qual assumiu vontade de deixar o clube no final da temporada, e não deve estender o tema à convocatória, sendo o mesmo que dizer que o guarda-redes não sofrerá represálias técnicas, vendo o nome na lista de convocados para a partida com o Marítimo e mantendo o direito a sentar-se no banco de suplentes dos encarnados.

Apesar de aborrecido com a situação, Jesus pensará, naturalmente, nos interesses da equipa – Odysseas é mais guarda-redes do que Mile Svilar, que tem ganhado experiência na equipa secundária -, mas também terá de levar em linha de conta os interesses da SAD benfiquista. Vlachodimos não poderá desaparecer de um momento para o outro, pois perderá valor de mercado, numa altura em que as águias muito necessitam de fazer dinheiro com vendas de jogadores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.