Jorge Jesus incutiu em Seferovic a fome de golos que lhe faltava

Em três minutos e com dois golos, Haris Seferovic lançou o Benfica, anteontem, para a terceira vitória consecutiva, depois dos triunfos sobre Rio Ave, no campeonato, e Estoril, na Taça de Portugal. Partilhou, no fim do jogo, satisfação pelo quarto bis esta temporada, mas não ficou completamente saciado. O avançado suíço de 29 anos queria mais, sentiu que perdeu oportunidades para aumentar a conta pessoal, uma vez que atravessa um período de confiança e sente-se cada vez mais confortável com aquilo que Jorge Jesus lhe pede e com os companheiros de ataque.

Esta não tem sido época fácil para o camisola 14. Teve de lutar com nova concorrência, especialmente com Darwin Núñez, e saber interpretar aquilo que Jorge Jesus lhe pede. Entre maus resultados da equipa, teve de enfrentar o Covid-19, que lhe roubou quatro quilos e resistência física. A falta de estabilidade no grupo parece ultrapassada e Seferovic, aproveitando a ausência de Darwin por lesão, marcou três golos nos últimos três jogos – um contra Rio Ave, dois contra o Belenenses SAD.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.