Hóquei em patins volta a desiludir com mais um empate na Luz com o Valongo

Benfica pecou pela falta de eficácia – sobretudo nas bolas paradas – e, apesar de ter recuperado de uma desvantagem de 1-3, acabou por empatar (3-3) na receção ao Valongo, em jogo da 22.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins masculino. 

Foi a equipa orientada por Edo Bosch a chegar à vantagem, logo aos 3′, por intermédio de Nuno Araújo (0-1). Com o jogo a um ritmo alto, o Benfica beneficiaria de uma grande penalidade cinco minutos depois, mas, no frente a frente do argentino Carlos Nicolía com Rui Mendes, o guarda-redes do Valongo levaria a melhor. 

Em desvantagem, o Benfica corria atrás de uma igualdade, que acabaria por chegar aos 12′. Danilo Rampulla, assistido por Sergi Aragonès, só teve de empurrar para o 1-1

Mais eficaz nos lances de bola parada, o Valongo teve, aos 19′, a oportunidade de regressar à liderança do marcador… e não desperdiçou. Nuno Araújo foi chamado a converter o livre direto e atirou para o 1-2. 

Com 20 minutos jogados, hat-trick de Nuno Araújo. O camisola 4 do Valongo assinaria um 1-3 que duraria até ao intervalo.  

Benfica-Valongo

No retomar, o Benfica continuava a não conseguir aproveitar as oportunidades nos lances de bola parada. Aos 30′, voltou a beneficiar de um livre direto, mas Carlos Nicolía não conseguiu concretizar. 

Mas, aos 32′, um golo praticamente tirado a papel químico do primeiro dos encarnados. Mais uma assistência de Sergi Aragonès, com Diogo Rafael a atirar para o 2-3

Só dava Benfica e o empate acabaria por chegar a 15 minutos do final do encontro… Com uma rápida reação de Lucas Ordoñez, após um primeiro remate de Sergi Aragonès, estava feito o 3-3.

A apenas 4 segundos do final do encontro, o Benfica dispôs de mais uma grande oportunidade… Penálti assinalado a favor dos encarnados, com Carlos Nicolía a não conseguir converter. Resultado final: empate a três bolas. 

Na 23.ª jornada, o Benfica visita o Famalicense AC, numa partida marcada para as 18h00 do dia 13 de março (sábado).

Benfica-Valongo

DECLARAÇÕES

Alejandro Domínguez (treinador do Benfica): “Do empenho e da vontade da equipa não posso dizer nada, muito pelo contrário. A equipa tentou tudo na pista para tentar a vitória. Este resultado afasta-nos do sítio onde queríamos estar para disputar o play-off. Vamos tentar recuperar a confiança individual para que quando chegarmos, como chegámos tantas e tantas vezes à baliza, tenhamos uma maior hipótese de acerto.”

FICHABENFICA-VALONGO, 3-3
LocalPavilhão Fidelidade
Cinco inicial do BenficaPedro Henriques, Diogo Rafael, Edu Lamas, Lucas Ordoñez e Gonçalo Pinto
SuplentesValter Neves, Carlos Nicolía, Sergi Aragonès, Danilo Rampulla e Marco Barros
Ao intervalo1-3
Golos do BenficaDanilo Rampulla (12′), Diogo Rafael (32′) e Lucas Ordoñez (36′)
Marcha do marcador0-1 (3′), 1-1 (12′), 1-2 (19′), 1-3 (21′), 2-3 (32′), 3-3 (36′)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.