“Vitória do Benfica começa no carinho dos adeptos à saída do Seixal”

Jorge Jesus era um treinador satisfeito após o triunfo diante do Rio Ave (2-0), em jogo da 21.ª jornada da Liga. O treinador das águias destacou a importância do triunfo.

«Mais do que tudo, hoje era importante ganhar. A equipa vinha de um jogo da Liga Europa em que podia ter saído dali com a eliminatória e tem consciência de que está a colocar a cabeça de fora. O Rio Ave é uma equipa muito complicada, com posse de bola muito forte e tenta colocar o adversário em dificuldades, mesmo no seu espaço defensivo. Nós sabíamos que se não fossemos pressionantes íamos ter dificuldades em parar o jogo do Rio Ave, porque íamos ficar nervosos sem bola. Era importante a equipa ter esse conforto mental no jogo, não ficar nervosa independentemente de não ter feito golos na primeira parte. No segundo tempo melhorámos. São estas equipas que nos alimentam, que nos dão confiança. Já passámos o período em que a intensidade de ogo era baixa, estamos a recuperar fisicamente e os jogadores, individualmente, começam a jogar melhor», começou por dizer na entrevista rápida, apontando baterias ao Estoril: «Temos de pensar já na quinta-feira, que temos um jogo muito importante. É uma meia-final da Taça de Portugal, em que estás em vantagem, mas ainda não ganhaste.»

Por último, Jorge Jesus agradeceu aos adeptos que foram dar apoio à equipa à saída do centro de estágio do Benfica, no Seixal.

«Queria agradecer aos adeptos, porque quando saíamos do Seixal tínhamos vários a incentivar. Sabemos o que temos de recuperar na pontuação, mas precisamos de carinho. Os jogadores sentiram isso algumas dezenas de pessoas a acarinhar a equipa. Foi aí que começámos a ganhar o jogo», concluiu.

Diante do Rio Ave (2-0), Jorge Jesus estreou uma dupla inédita de centrais. O experiente Jardel fez companhia ao recém-contratado Lucas Veríssimo, e os dois foram alvos de elogios da parte do treinador do Benfica.

«Mais uma vez, tivemos uma dupla nova de centrais, mas estiveram os dois muito bem. O Lucas Veríssimo esteve muito bem. Aliás, a linha de quatro percebeu o jogo desta equipa do Rio Ave, que tem jogadores como o Rafael Camacho, o Gelson Dala e o Carlos Mané que não são fáceis de parar, são muito rápidos», explicou na entrevista rápida.

Contratado ao Santos na reabertura do mercado de transferências, Lucas Veríssimo estreou-se na Liga. O central brasileiro de 25 anos já tinha participado nas duas partidas com o Arsenal, a contar para os 16 avos de final da Liga Europa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.