Liga Europa deu visibilidade a André Horta em Itália

A exibição de André Horta emergiu das dos restantes companheiros do SC Braga no Olímpico de Roma, na despedida da Liga Europa, face à derrota por 1-3 (um agregado de 1-5).

O médio ofensivo tem participações em 25 jogos na atual temporada, mas apenas seis como titular, uma das marcas mais baixas de uma carreira em que já conheceu também as camisolas de Vitória de Setúbal, Benfica e Los Angeles FC. O jogador apostou tudo no relvado romano para mostrar que as suas qualidades estão intactas. E estão mesmo, não tendo passado despercebidas, igualmente, à exigente Imprensa italiana, que elevou o camisola 15 a melhor jogador dos minhotos nesta partida.

A Gazzetta dello Sport destacou André Horta como «o mais vivo» de todos os bracarenses e «sempre pronto a criar jogo», atribuindo-lhe nota 6,5; já o Tuttosport afirmou que o médio ofensivo soube «meter o físico e fazer o transporte de jogo», atribuindo-lhe um 5,5.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.