Em terra de romanos, Benfica e Arsenal degladiaram-se mas ninguém ganhou

Benfica e Arsenal empataram, esta quinta-feira, a uma bola, em Roma, palco designado em consequência dos constrangimentos da pandemia. A segunda mão vai jogar-se em Atenas (pireu), no próximo dia 25, também quinta-feira.

As águias começaram a tentar pressionar, desta vez num esquema com três centrais, mas foi o Arsenal quem dominou e controlou, com Aumabayang a desperdiçar grande oportunidade e o Benfica a ter o seu primeiro remate do jogo apenas aos 32 minutos, por Darwin e meio enrolado. Mas a equipa portuguesa foi ganhando confiança e dividiu o tempo de posse de bola. A primeira parte foi, no final, sem grandes oportunidades de parte a parte.

O Benfica regressou mais determinado na segunda parte e acabaria por beneficiar de um penálti, que Pizzi concretizou no primeiro golo da partida. Uma vantagem que durou apenas dois minutos: um cruzamento de Cédric, lateral português do Arsenal, e Saka voltou a igualar a partida.

Uma ou outra jogada de relativo perigo, para cada uma das equipas (mais Benfica do que nos primeiros 45 minutos), mas sem golo iminente até final, com o empate a manter-se até ao apito do árbitro da partida para o regresso aos balneários.

O Benfica fez uma exibição sem brilho, mas o Arsenal foi igualmente cinzento. Fica, pois, tudo em aberto para o jogo da segunda mão.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.