Pizzi e a Supertaça: “É uma final que queremos ganhar”

Em declarações ao site da Federação Portuguesa de Futebol, Pizzi, médio do Benfica, lançou o jogo da Supertaça Cândido de Oliveira com o FC Porto (quarta-feira, 20.45 horas, no Estádio Municipal de Aveiro) e vincou o desígnio dos encarnados para o clássico que poderá valer a conquista de mais um troféu para o museu do clube.

Que desafio representa esta Supertaça? «É uma final, por isso não podemos pensar noutra coisa que não seja a vitória. Entramos sempre com esse objetivo e sabemos que neste jogo não há espaço para erros. É à partida o jogo mais exigente até agora e perante um rival, também habituado, tal como nós, a estes grandes jogos. Sabemos das dificuldades, mas confiamos que podemos trazer para Lisboa mais um troféu.»

Fator decisivo num só jogo: «[Equipa] Ser igual a si própria e confiar no trabalho que é desempenhado ao longo da semana. Uma vez mais, é um jogo em que a margem de erro é muito pequena. Errar pouco e ser eficaz é passo e meio para vencer. É uma final, com duas grandes equipas… e que queremos ganhar.»

Mensagem aos adeptos: «Este momento que vivemos tem sido difícil para todos. Para nós, é sempre importante ter os adeptos connosco. São o 12.º jogador e, em tempos normais, ajudam-nos muito no campo. Não podendo estar presentes, sabemos que nos vão apoiar à distância. Quanto a nós, vamos dar tudo para lhes dar mais uma alegria.»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.