A “memória selectiva” dos dragões quando acusam Bernardo Silva de racismo

Continua a polémica entre Bernardo Silva e o FC Porto. Na manhã desta quarta-feira, a newsletter dos dragões visou o jogador do Manchester City, referindo-se como «um adversário que é conhecido internacionalmente por ter sido condenado por racismo».

Palavras que tiveram eco em Inglaterra e que geraram a indignação de Joleon Lescott. O antigo defesa-central do Manchester City recordou a multa aplicada aos dragões em 2012 por alegados cânticos racistas contra Mario Balotelli, numa eliminatória da Liga Europa.

«É estranho ler o comunicado do FC Porto. O jogo de ontem [terça-feira] pareceu ser bastante confortável para o Manchester City, e o facto do Marchesín ter sido o melhor em campo, sugere isso. O que me deixa chateado são as acusações de racismo. Nenhum racismo pode ser ignorado e tentar aproveitar-se disso não vai funcionar. Penso que é claramente um caso de memória seletiva, já que tenho a certeza que não se esqueceram da multa aplicada pela UEFA devido aos cânticos ofensivos contra o Balotelli, no jogo de 2012», pode ler-se no Instagram.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.