Conselho de Disciplina da FPF quer voltar a interditar a Luz mas Benfica recorre

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol anunciou, esta terça-feira, que aplicou castigo ao Benfica de «interdição do recinto desportivo por um jogo». Em causa estão incidentes registados no jogo com o Gil Vicente, referente à época passada e realizado a 24 de fevereiro.

Os encarnados foram ainda punidos com multa de 10.200 euros, isto por inobservância qualificada relacionada com o Regulamento da Prevenção da Violência e do Manual do Oficial de Ligação aos Adeptos.

Nuno Miguel de Almeida Pires Gago, oficial de ligação dos adeptos do clube da Luz, foi também multado em 1.683 euros.

Pelos mesmos motivos, o Gil Vicente também foi castigado com multa de 1.530 euros, assim como o seu diretor de segurança,  Augusto Filipe Linhares Sendim (612 euros de multa), e o seu  substituto José Carlos Barbosa Fernandes (459 euros de multa).

Na sequência da «interdição do recinto desportivo por um jogo», decisão tomada pelo Conselho de Disciplina e conhecida esta terça-feira, fonte do Benfica garantiu que o clube encarnado irá interpor uma providência cautelar desta decisão junto do Tribunal Arbitral do Desporto (TAD).

Uma providência que quando entrar no TAD terá, de imediato, efeito suspensivo sobre a decisão do Conselho de Disciplina de castigar o Benfica com um jogo à porta fechada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.