Benfica vence em Famalicão e está na final da Taça de Portugal

Emoções fortes até ao fim! O Benfica venceu o Famalicão por 1-2 e garantiu a passagem à final da Taça de Portugal referente à época 2019/20. Nycole e Cloé Lacasse foram as autoras dos tentos encarnados.

O desafio começou a toda a velocidade e aos 2′ o Benfica usufruiu de uma grande oportunidade. Cloé Lacasse cavalgou vários metros pelo corredor esquerdo, entrou dentro da área e disparou. O esférico passou a rasar o poste direito, contudo, após o remate da atleta canadiana, Gi cometeu falta. A árbitra da partida, Filipa Cunhaapontou para a marca de grande penalidade.

Nycole assumiu o castigo máximo e não perdoou. O remate da internacional brasileira entrou junto ao poste esquerdo, enquanto a guarda-redes, Rute Costa, se atirou para o lado contrário. Estava assim inaugurado o marcador aos 3′ (0-1).

O conjunto famalicense subiu as suas linhas e pressionava desde a fase de construção das comandadas de Luís Andrade. O Benfica sentia essa pressão e tentava aproveitar a profundidade cedida pela defensiva do FC Famalicão.

Aos 27′ podia ter acontecido momento de pura magia no Campo n.º 1 da Academia do FC Famalicão. Darlene, do meio da rua e com o vento a soprar a favor, tentou aproveitar o adiantamento da guardiã para disparar um potente remate, mas a guarda-redes adversária conseguiu recuperar e segurou o esférico.

Darlene

Os lances rendilhados eram escassos. Ambos os emblemas estavam a optar por um futebol mais direto, mas as soluções encontradas não estavam a surtir efeito. Aos 39′Dani Neuhaus procurou afastar o perigo, mas na tentativa de socar a bola acabou por derrubar Mylena. Filipa Cunha voltou a apontar para a marca de grande penalidade.

Vitória Almeida rematou com serenidade e bateu a guardiã encarnada. Dani Neuhaus adivinhou o lado para o qual tinha de se atirar, todavia, não foi o suficiente para negar o tento famalicense (1-1 aos 41′).

Benfica respondeu por intermédio de Darlene. A capitã voltou a disparar de fora da área, mas a trajetória do esférico não foi a correta e a bola acabou por sair um pouco ao lado. Ao intervalo: 1-1.O Benfica respondeu por intermédio de Darlene. A capitã voltou a disparar de fora da área, mas a trajetória do esférico não foi a correta e a bola acabou por sair um pouco ao lado. Ao intervalo: 1-1.

O ritmo da 2.ª parte não abrandou e aos 49′ o Benfica dispôs de uma boa oportunidade para passar novamente para a frente do marcador. Cloé sofreu falta à entrada da área, no entanto, Ana Vitória, na conversão do livre, não conseguiu passar o esférico por cima da barreira. 

As comandadas de Luís Andrade conseguiam chegar com mais perigo junto da baliza contrária e, aos 57′, Darlene teve uma soberana oportunidade para balançar as redes adversárias. A capitã das águias puxou a culatra atrás, disparou, mas a guarda-redes Rute Costa estava no sítio certo para impedir o golo.

Nycole

Dois minutos depois foi Nycole a dispor de uma boa oportunidade. A camisola 20 das águias bateu o livre de forma direta, porém, o remate tenso acabou por sair a escassos centímetros do poste direito.

Na sequência de um lance aparatoso, aos 68′Andreia Faria ficou muito queixosa, tendo mesmo pedido assistência médica. Nesta fase da partida havia muitas pausas devido ao excesso de ímpeto com que as duas formações estavam a abordar os lances.

Luís Andrade

Solange Carvalhas estava a ganhar destaque no lado do FC Famalicão e aos 76′ podia ter batido Dani Neuhaus. A jogadora famalicense ficou isolada, mas o remate cruzado passou ao lado do poste direito. Aos 84′Luís Andrade decidiu refrescar a zona do meio-campo. Andreia Faria cedeu o lugar a Jolina.

Aos 90’+2′ chegou o segundo golo do Benfica! Jolina colocou a bola para a zona central, Ana Vitória fintou a defesa do Famalicão e cruzou para a pequena área onde, de rompante, apareceu Cloé Lacasse a tocar subtilmente, e na raça, para o fundo da baliza adversária.

Com este golo, a equipa feminina do Benfica qualifica-se para a final da Taça de Portugal 2019/20. Resultado final: 1-2.

O adversário do Clube da Luz será conhecido a 18 de novembro. É neste dia que Estoril Praia e SC Braga se defrontam por mais um lugar no jogo decisivo.

Benfica Onze

Famalicão-Benfica, 1-2

FICHA 
LocalAcademia do FC Famalicão, Campo n.º 1
Onze do BenficaDani Neuhaus, Catarina Amado, Sílvia Rebelo, Carole Costa, Christy Ucheibe, Pauleta, Andreia Faria (84′), Ana Vitória, Cloé Lacasse, Darlene e Nycole 
SuplentesCarolina Vilão, Matilde Fidalgo, Beatriz Cameirão, Jassie Vasconcelos, Amélia Silva, Jolina (84′) e Carlota Cristo
Ao intervalo1-1
Marcadoras do BenficaNycole (3′ gp) e Cloé Lacasse (90’+2′)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.