Empate no dérbi em Hóquei em Patins sabe a pouco para o Benfica

As equipas de hóquei em patins do Benfica e do Sporting empataram a uma bola, no dérbi da 3.ª jornada do Campeonato Nacional que teve lugar, este sábado, no Pavilhão Fidelidade. 

dérbi começou a todo o gás e com emoção. Ambas as equipas, desde o apito inicial, a tentarem alvejar a baliza contrária, mas os guarda-redes (Pedro Henriques e Girão) a levarem a melhor. Destaque para a aposta do Benfica em ataques mais rápidos, com o Sporting a optar por ataques mais organizados e a esgotar quase a totalidade dos 45 segundos. 

No rinque, o equilíbrio foi a nota dominante, mas com os encarnados, por jogarem em casa, a terem algum ascendente, como comprovam as seis defesas do guardião leonino, aos 13′, contra as duas de Pedro Henriques.

Todavia, as duas grandes oportunidades pertencem ao Sporting, aos 17′. Primeiro, Pedro Gil, após excelente trabalho individual, atirou ao poste; logo de seguida, através de uma grande penalidade, Toni Pérez não conseguiu inaugurar o marcador. 

Ainda assim, e apesar de bem disputada, a primeira parte terminou com 0-0 no marcador. 

Na etapa complementar, o Benfica voltou a entrar melhor e teve várias oportunidades negadas por Girão. Porém, o primeiro do jogo foi por parte dos verdes e brancos…

Aos 28′, através de uma grande penalidade, Verona não permitiu veleidades a Pedro Henriques e fez o 0-1

As águias reagiram bem ao tento sofrido e só não empataram logo a seguir porque Girão, com uma excelente intervenção, negou o 1-1. Aos 33′, numa transição rápida, o Sporting ganhou mais uma grande penalidade por falta cometida por Diogo Rafael. 

Na marca de castigo máximo, Verona não logrou o golo, mas a equipa da arbitragem mandou repetir devido a Pedro Henriques se ter mexido antes do remate. À segunda tentativa, o hoquista leonino permitiu a defesa de Pedro Henriques à primeira e depois, outra vez, na recarga. 

Aos 34′, nova bola no poste da baliza do Benfica. Verona recuperou o esférico e viu o disparo bater nos ferros da baliza de Pedro Henriques. O jogo estava eletrizante e o empate não demorou…

Decorria os 35′ quando Ordoñez, num lance de excelente execução, a empatar a contenda (1-1). Que golão!

Logo a seguir, através de um livre direto, o Benfica poderia ter consumado a reviravolta, mas Valter Neves permitiu a defesa a Girão. Aos 37′Ferran Font ficou a milímetros do 1-2, mas o remate do espanhol não transpôs completamente a linha de golo.  

As duas equipas bem tentaram alcançar os três pontos, mas o 1-1 manteve-se até ao apito final. Após este empate, o Benfica passa a somar sete pontos na classificação e na próxima semana há deslocação à casa do Riba d’Ave. 

Benfica-Sporting, 1-1

FICHA 
LocalPavilhão Fidelidade
Cinco inicial do BenficaPedro Henriques, Valter Neves, Diogo Rafael, Nicolía e Ordoñez
SuplentesMarco Barros, Edu Lamas, Sergi Aragonès, Gonçalo Pinto e Vieirinha
Resultado ao intervalo0-0 
Marcador do BenficaOrdoñez (35′) 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.