Jorge Jesus assume culpa na saida de Rúben Dias

Benfica e Moreirense disputaram, neste sábado, a 2.ª jornada da Liga NOS. No Estádio da Luz, triunfo para as águias, um duelo que Jorge Jesus analisou em conferência de Imprensa logo após o jogo.

Jorge Jesus não deu certeza absoluta, mas praticamente confirmou a transferência de Rúben Dias para o Manchester City. E até assumiu «alguma culpa»…

«Tenho quase a certeza que foi o último jogo que [Rúben Dias] fez. No futebol às vezes tudo muda no último segundo, mas penso que isso não vai acontecer. Temos pena de o ver partir. É um produto do Seixal, um capitão, um jogador de seleção… Mas eu também tenho alguma culpa por ele estar a sair. Tem a ver com a eliminação da Champions, há coisas que se têm de equilibrar e o Rúben tem um mercado alto», disse o treinador dos encarnados, assumindo de imediato a necessidade de contratar… dois centrais.

«Já queríamos um central, com a saída do Rúben temos de contratar dois, disso não temos dúvidas. Não é fácil contratar um central para fazer face ao valor do Rúben Dias. No negócio está outro central, mas não sei pormenores, porque estava focado no jogo com o Moreirense, mas agora vamos ver. Otamendi? É um jogador que já demonstrou o seu valor no FC Porto, é um jogador da seleção da Argentina e foi sempre titular no Manchester City, só o deixou de ser agora. Claro que é um jogador que me agrada», prosseguiu, sem se deter: «O jogador que entrar vai perceber que as minhas ideias são completamente diferentes das que tinha no Manchester City. Vai ter de se adaptar, caso seja ele. No caso do Rúben Semedo, que também tem sido falado, já não, pois já esteve comigo um ano e sabe perfeitamente o que quero.»

Jorge Jesus reconheceu ainda que Vinícius também poderá ser negociado. «Se deixámos sair o Rúben Dias porque não havemos de deixar o Vinícius?», atirou. «Até fechar a janela, a maioria dos jogadores estará nessa situação, depois iremos fazer as nossas adaptações. Enquanto treinador não tenho de olhar apenas para os interesses da equipa, mas também para os interesses do clube. Se o clube tiver de fazer ajustamentos, por muito que me custe perder o Rúben, o Vinícius ou outro jogador qualquer. Tenho de partilhar essa dor, porque faz parte do projeto do futuro do Benfica», finalizou.

(Em actualização)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.