O rombo nas finanças encarnadas com a saida da Champions

As portas do mercado de transferências poderão já estar fechadas depois da derrota frente ao PAOK. Os milhões da ‘Champions’ já são apenas uma miragem e, com isso, a necessidade de vender torna-se evidente. Luís Vilar, diretor da Faculdade de Ciências da Saúde e do Desporto da Universidade Europeia, conta ao Jornal Económico que o SL Benfica perdeu condições para adquirir mais jogadores.

A derrota em Salónica, frente ao PAOK, poderá ter um impacto muito significativo nas contas dos ‘encarnados’. O impacto na receita esperada de 140 milhões de euros poderá ascender aos 49 milhões de euros, significando uma “perda estimada de 35% da receita anual operacional”, segundo Luis Vilar, diretor da Faculdade de Ciências da Saúde e do Desporto da Universidade Europeia.

Qual o impacto da saída precoce da Liga dos Campeões para o SL Benfica?

Se tivermos por base as contas do ano passado, a não entrada na liga dos campeões terá um impacto negativo de 49M€ na receita esperada de 140M€, ou seja, os 90 minutos de Salónica podem ter implicado uma perda estimada de 35% da receita anual operacional.

Perante esta situação, o SL Benfica tem de vender jogadores?

A urgência em vender pode estar relacionada com dois aspectos: 1. Decréscimo dos custos fixos relativos à folha salarial, e 2. Pressão para equilíbrio do saldo de transferências. Ambas as premissas têm por base recomendações e diretivas do fair-play financeiro. Por um lado, a venda de jogadores pode reduzir a folha salarial e manter este montante dentro dos 60% de uma receita operacional estimada substancialmente inferior (cerca de 100M€ caso haja jogos à porta aberta). Por outro lado, a venda de jogadores pode ser essencial para equilibrar o saldo de transferências e evitar assumir resultados anuais negativos. Convém recordar que o resultado positivo do ano passado de 41M€ teve por base um saldo de transferências de +126M€, e que o saldo presentemente é de -78M€. A pergunta mais interessante não é se vai vender, mas sim quando vai vender e por quanto vai conseguir vender. Porque em tempo de pandemia os passes dos jogadores desvalorizaram cerca de 35% e não há tanta disponibilidade de capital no mercado de clubes.

O Benfica tem condições para ainda ir ao mercado comprar jogadores?

Tenho muitas dúvidas que isso aconteça. Acredito que o Benfica irá vender jogadores (como já achava antes da derrota) mas julgo que agora já não irá contratar mais. O resultado de Salónica pode ser a oportunidade dos jogadores da formação. Porque é a aposta nestes que permite substituir a saída de um qualquer craque (ex., Vinicius, Gabriel ou Rúben Dias) sem aumentar a folha salarial e prejudicar o saldo já negativo de transferências. Pode ser a nova oportunidade de Gonçalo Ramos, Florentino ou Ferro, permitindo ainda ao seu presidente cavalgar a retórica da “estratégia nunca abandonada do Seixal”, tão importante em época de eleições.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.