Flash interview: “Estamos todos ainda longe do que pretendo”

Satisfeito com o resultado (5-1) e a exibição em Famalicão, Jorge Jesus considera que esta equipa do Benfica ainda tem muito potencial para evoluir.

«Mais importante era vencer mas vencer e convencer… Ainda melhor. Hoje fomos muito melhores do que o rival e traduzimos isso em golos. Fomos mais eficazes do que no último jogo, em que até tínhamos feito mais remates na baliza. Hoje fizemos cinco e marcámos cinco, para além da velocidade que tivemos defensivamente. O Famalicão não teve chances para entrar dentro da nossa zona defensiva, fizeram um golo com uma boa jogada e também tiveram a bola no poste… Foram as duas únicas jogadas que não conseguimos anular. Não gosto de sofrer golos mas, de qualquer forma, já houve coisas positivas», disse, explicando:

«O Luca e o Darwin tiveram outra velocidade, têm outras características em relação ao Seferovic e Vinícius. É isto que queremos dentro do nosso modelo, jogadores que saibam ganhar o espaço com dinâmica. Depois, também tivemos o Gabriel, foi mais intenso do que o Weigl mas tínhamos feito um jogo há três dias e tinha de mexer na equipa», explicou o treinador das águias.

«Queria uma equipa fresca mas mantive a última linha, quero dar-lhes estabilidade. O Vertonghen e o Rúben estiveram duas semanas na seleção e ainda estão fora dos movimentos defensivos. Estamos todos ainda longe do que pretendo mas, jogo a jogo, vamos melhorar.»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.