Na primeiro flash interview da época, Jesus “arrasou”

Após o triunfo do Benfica sobre o Rennes (2-0), no sétimo e último jogo da pré-temporada, Jorge Jesus teceu um olhar à preparação da equipa, falou sobre alguns dos reforços, perspetivou o jogo da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões e ainda contou qual foi a sensação de regressar ao Estádio da Luz.

Pizzi e Gabriel foram os autores dos golos do triunfo benfiquista – o sétimo em outros tantos jogos – no último particular da pré-época. Agora as atenções do treinador Jorge Jesus e do plantel centram-se na Liga dos Campeões, onde o Benfica irá encontrar o PAOK na 3.ª pré-eliminatória da competição. A partida terá lugar na Grécia, no Estádio Toumba, no dia 15 de setembro (19h00).

Benfica-Rennes

Análise à pré-época 

“É natural que, jogo a jogo, a equipa venha a melhorar ainda mais. Fizemos sete jogos, e estes desafios servem para melhorarmos. Esta equipa do Rennes, 3.ª classificada na temporada transata, já leva dois jogos no campeonato francês e obrigou-nos a correr mais. Porém, o Benfica tem vindo a melhorar em termos defensivos. Jogue quem jogar, a equipa sente-se segura defensivamente e isso dá tempo para que se façam golos. Isso aconteceu hoje. Tanto este como o encontro com o SC Braga foram jogos com boa intensidade. De todos os conjuntos que enfrentámos, o SC Braga foi a melhor equipa e jogou num sistema que vamos encontrar na Grécia, que é o 3x4x3.”

“Os novos jogadores são quase todos entre os 20 e os 25 anos. São jovens que serão o presente e o futuro do Benfica, isso é muito importante. Agora, no dia 15 de setembro, temos o primeiro jogo oficial. Um jogo muito importante para a nação benfiquista.”

Benfica-Rennes

Opinião sobre a prestação dos reforços

“O Darwin ficou deslumbrado com todo o cenário que o Benfica tem e pediu-me para entrar uns minutos, mesmo não estando a treinar há seis dias. Ele queria muito jogar no Estádio da Luz, pediu-me para jogar cinco minutos e dei-lhe essa oportunidade. Não jogou cinco minutos, jogou 15. Também dei algum tempo ao Grimaldo, foi importante para ele ganhar confiança, porque tem estado fora. O Pedrinho também não jogava há seis meses e é um atleta em quem acreditamos bastante. Tem muito talento. O Everton, por exemplo, levou uma pancada no pé no início da época e continua a ter dor. Anda a defender-se um pouco e não está ainda a jogar ao ritmo dele, mas, quanto mais dias passarem, mais solta a equipa vai ficar. Tenho a certeza de que vamos fazer um grande grupo.”

Benfica-Rennes

Jogo da 3.ª pré-eliminatória com o PAOK

“Vamos esperar pelos jogadores que estão nas seleções, porque vão melhorar a qualidade da equipa. Vai ser um desafio difícil. Eu vi o jogo do PAOK com o Besiktas e será um osso duro de roer, mas não podemos pensar que não temos capacidade, porque temos capacidade para chegar à Grécia e fazer um bom resultado. Não é a primeira vez que vou jogar lá. Já estive na Grécia com o Benfica, estamos muito confiantes, sabendo que vai ser um jogo muito disputado.”

Benfica-Rennes

Sensação de voltar ao Estádio da Luz

“Regressei ao Benfica e vi um Clube diferente. O Benfica melhorou bastante as suas instalações, nomeadamente o Estádio e a Benfica Campus. Criou umas instalações de top mundial. Foi uma surpresa para mim. É um sinal da evolução deste grande clube. Qualquer jogador que entra aqui fica orgulhoso de trabalhar com umas condições fora do comum no futebol mundial.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.