Movimento Servir o Benfica apresenta o seu programa

O Movimento Servir o Benfica, que apresenta Francisco Benitez como candidato à Direção nas próximas eleições, João Pinheiro como candidato à Mesa da Assembleia-Geral, e Nuno Leite como candidato ao Conselho Fiscal, revelou o conteúdo programático com o qual pretende apelar ao voto dos benfiquistas.

O documento abrange cinco áreas – futebol, ecletismo, associativismo, património e comunicação/digital – e apresenta perto de uma centena de propostas, deixando ainda vincada ideia de gratidão a Luís Filipe Vieira pelo trabalho feito, embora assente na convicção de que esse tempo chegou ao fim e urge mudar.

No futebol, o programa propõe  injeção de know-how desportivo no Conselho de Administração da SAD, redução dos jogadores do plantel principal, redução do número de jogadores nos quadros e promete garantir a permanência dos melhores atletas por, pelo menos, duas épocas completas. Quer a reformulação do departamento de scouting, a definição de critérios claros nos pagamentos de prémios à SAD e anuncia desde já intenção de auditar a SAD. Advoga, ainda, a dignificação da Taça Eusébio, manifestando-se contra a «desvalorização» desta. No ecletismo, pretende encontrar patrocinador global para as modalidades, aproximar os sócios destas e, entre outras medidas, fazer regressar o râguebi ao clube e estudar o regresso do ciclismo. A parte do associativismo versa as muitas propostas de alteração aos estatutos, desde a limitação de mandatos da Direção à obrigatoriedade de apresentação de novo orçamento em caso de chumbo e de eleições antecipadas se for reprovado duas vezes. Quer, ainda, diminuir a desproporcionalidade do número de votos que cada associado dispõe e alterar os pré-requisitos (25 anos  ininterruptos de sócio e mínimo de 30 anos de idade) para candidatura aos Órgãos Sociais e pugna  por «método de votação eleitoral que garanta a integridade do resultado eleitoral e a confidencialidade do sentido de voto, e que possibilite igualmente uma eventual recontagem de votos».

No que diz respeito à área do património, o movimento encabeçado por Francisco Benitez promete analisar os quatro novos projetos que Vieira está a desenvolver: centro de Alta Competição, alargamento do Benfica Campus, Hotel Benfica e Universidade Benfica. Outra das propostas passa por analisar o aumento da capacidade da Luz e criar dois peões no piso 0 dos topos sul e norte. Revela-se ainda a intenção de recuperar o espaço onde foi fundado o Benfica na Rua de Belém para recriar a fachada original da Farmácia Franco e transformar em espaço de memória e loja vintage do clube.

Na área da Comunicação/Digital, o movimento quer continuar a assegurar a transmissão dos jogos da equipa principal na Benfica TV, que voltará a ter essa designação (e não a atual BTV) e terá os conteúdos editoriais reformulados, entre outras propostas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.